Jornalista afirma que Bolsonaro já sabe que não terá desfile de 7 de Setembro

O presidente Jair Bolsonaro foi comunicado pelas Forças Armadas de que não haverá desfile de Sete de Setembro, Dia da Independência, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Inicialmente, ele relutou, mas convenceu-se de que o momento atual não permite o evento por causa da pandemia de Covid ainda não estar sob controle.

Mas o hasteamento da Bandeira no Palácio da Alvorada está confirmado. Bolsonaro não abre mão do evento, que foi o que ocorreu no ano passado.

A afirmação é do jornalista Vicente Nunes publicada nesta terça-feira (17) no blog que tem, o Blog do Vicente, no Correio Braziliense. Ele também destacou que já foram realizadas três reuniões em torno do Sete de Setembro. Além do ato no Alvorada, haverá algumas ações específicas, como a exibição da Esquadrilha da Fumaça.

Já de acordo com o portal Poder 360, o Ministério da Defesa enviou um comunicado aos comandos das 3 Forças (Aeronáutica, Exército e Marinha) com a informação de que não haverá desfile de tropas e carros em 7 de setembro. O texto foi enviado em 2 de agosto pelo ministério chefiado por Walter Braga Netto. A pasta afirma na nota que, até aquele momento, não havia previsão de evento oficial em Brasília.

Foto: Agência Senado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × três =