Jornal argentino afirma que Bolsonaro tentou reiniciar o duelo entre Brasil e Argentina

Presidente teria garantido que jogadores considerados ilegais em território nacional não teriam problemas

 O duelo entre Brasil e Argentina válido pelas eliminatórias para a Copa do Mundo, suspenso pelo árbitro da partida após interrupção da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), ultrapassou o âmbito esportivo e alcançou a esfera política. De acordo com o Diário Clarín, da Argentina, o presidente Jair Bolsonaro teria tentado reiniciar a partida após entrar em contato com a CBF.

O veículo informa que, assustado com o que viu na Neo Química Arena, em São Paulo, o presidente teria entrado em contato com a Confederação Brasileira de Futebol para garantir que Emiliano Martínez, Romero, Emiliano Buendia e Giovani Lo Celso, acusados pelo órgão sanitário de descumprirem normas do protocolo sanitário do país, não teriam problemas futuros e poderiam entrar em campo para o clássico.

A tentativa teria sido frustrada já que seu apelo chegou quando os jogadores argentinos já se encontravam nos vestiários, com o jogo suspenso , e a comunicação com o grupo não foi bem sucedida.

Já o filho do presidente, o senador Flávio Bolsonaro, declarou ainda ontem (5), em suas redes sociais, que os argentinos teriam tentado enganar as autoridades brasileiras. “Argentinos deram uma de malandros. Sabiam que estavam burlando a lei brasileira, impediram a Anvisa de autua-los e, na marra, escalaram os 4 oriundos da Inglaterra. PF tem que investigar quem não tomou providências antes do jogo e Argentina deveria ser severamente punida”, postou o senador em sua conta no Twitter.

Brasil e Argentina jogaram apenas seis minutos, no Neo Química Arena, em São Paulo, antes da intervenção de agentes da Anvisa e da Polícia Federal. A partida foi suspensa pelo árbitro Jesus Valenzuela e confirmada pela Conmebol, através das redes sociais.

Foto: divulgação/Sebastião Moreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − 6 =