Jogo contra a Argentina tem ‘tempero especial’ diz Marquinhos

Na noite desta terça-feira (16), às 20h30min, a Seleção Brasileira entra em campo pela última vez em 2021. O adversário será o maior rival: a Argentina. O confronto é fora de casa, na cidade de San Juan. O Brasil já está classificado para a próxima edição da Copa do Mundo, após derrotar a Colômbia pelo placar de 1×0.

O zagueiro Marquinhos concedeu entrevista coletiva antes da partida. Mesmo com a classificação já assegurada, o defensor destacou a importância do duelo, por se tratar de um confronto histórico. Ele também pontua a necessidade em se enfrentar um adversário de alto nível para que o grupo chegue bem à Copa do Mundo do ano que vem, no Catar.

“É um jogo de tamanha importância pela história e pelo adversário. Estamos classificados já, mas faz parte do nosso caminho para a Copa do Mundo. Temos que focar para fazer um grande jogo. A gente vem de vitórias importantes, batemos recordes. Tivemos jogos um pouco abaixo, mas o grupo vem se conhecendo melhor, pegando mais corpo, para chegar ao nosso objetivo que é estar bem na Copa do Mundo”, disse o defensor.

Marquinhos também fez uma breve análise sobre a conjuntura do futebol no momento atual. Ele também citou as polêmicas recentes envolvendo o confronto, como a partida não realizada no Brasil, devido a problemas envolvendo protocolos sanitários de quarentena para prevenção ao coronavírus. Para o zagueiro, tudo isso deixa a partida com um “tempero especial”.

“O futebol é muito equilibrado, onde estrategicamente as equipes evoluíram muito taticamente e fisicamente. Para a gente cada jogo é muito importante. Tomando gol o jogo complica. Espero um grande jogo, com duas grandes equipes, grandes jogadores. por todo o contexto é normal que haja esse tempero especial, mas a gente sabe que tem que ser forte e estar concentrado no jogo”, finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − 6 =