Jair Ventura promete Botafogo lutando até o fim por lugar na Libertadores

O Botafogo vive fase instável no Campeonato Brasileiro, após grande arrancada durante o segundo turno. Já são cinco rodadas sem vitórias, e no último sábado, jogando em casa e com um a mais durante boa parte do duelo, o time apenas empatou com a Ponte Preta, por 1 a 1.

Após a partida, o técnico Jair Ventura falou com a imprensa e lamentou o resultado. Mesmo assim, lembrou que os cariocas fizeram um grande papel até o momento no Brasileirão, e a vaga na Libertadores ainda é uma realidade para o clube.

“Quem criou essa possibilidade fomos nós, falava-se em rebaixamento para o Botafogo. Enquanto tivermos chances, vamos lutar até o último minuto, e não vamos gostar de ficar fora da Libertadores”, declarou o treinador.

Sobre a partida contra a Macaca, Jair lamentou o gol sofrido em lance de bola parada. O atacante William Pottker aproveitou cruzamento na segunda trave e superou Sidão, já na segunda etapa. Sassá havia aberto o placar para os cariocas no primeiro tempo.

“Acabamos tomando um gol na bola parada. Isso faz parte do futebol. Ficamos tristes porque podíamos ter definido a classificação para a Libertadores”, afirmou Ventura. Com o empate por 0 a 0 entre Corinthians e Atlético-PR, o Botafogo teria confirmado a vaga no G6 em caso de vitória sobre a Ponte.

Com 56 pontos, os comandados de Jair ainda dependem apenas de si para chegar à competição continental. Se vencer o Grêmio, em Porto Alegre, na rodada final, os cariocas estarão garantidos. Em caso de empate ou derrota, terão de torcer por tropeços de Corinthians e Atlético-PR, rivais na briga, que encaram Cruzeiro (fora) e Flamengo (casa), respectivamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 1 =