Decreto altera horário das Barcas

Com o objetivo de adequar a oferta do serviço de transporte aquaviário de passageiros à queda da demanda registrada desde o início da pandemia, na quinta-feira (18) foi publicado no Diário Oficial um decreto com novas medidas relacionadas à operação do transporte. Atualmente, a redução de passageiros é de 74%.

A linha aquaviária Praça XV – Praça Arariboia passa a circular com intervalos de até 30 minutos nos horários de pico (5h30 às 9h e 16h às 18h) nos dias úteis, e não mais de 15 minutos. Nos horários de vale dos dias úteis e aos sábados, domingos e feriados, o intervalo de uma hora está mantido.

Em outubro de 2020, com o retorno gradual das atividades econômicas, o intervalo das barcas foi reduzido de 30 para 15 minutos, já que havia uma expectativa de aumento da demanda de passageiros. No entanto, essa previsão não se cumpriu, e o sistema manteve, nesse período, a redução da demanda.

O decreto também prevê a suspensão da medida que determina que o embarque nas viagens seja limitado ao número de assentos disponíveis na embarcação. Dessa forma, as viagens poderão ser feitas com a capacidade total de passageiros, que varia de acordo com a embarcação.

Aumento – O reajuste do preço da passagem das barcas já havia entrado em vigor no último dia 12. A Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio (Agetransp) havia autorizado o aumento da tarifa de R$ 6,50 para R$ 6,90, ou seja, 6,15%. O anúncio da autorização do reajuste havia sido publicada no DO do dia 30 de dezembro do ano passado. A Agetransp informou na ocasião que o aumento era anual para os serviços públicos de transportes aquaviário e também ferroviário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez + dezesseis =