Informações sobre radares poderão ser divulgadas na internet

Raquel Morais –

Mais uma vez os radares estão no alvo da discussão de parlamentares. O projeto de lei 1.357/16, do deputado Thiago Pampolha (PDT), que foi aprovado na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) e depende apenas da sanção do governador Wilson Witzel, propõe que as informações sobre os radares de velocidade no Estado sejam divulgadas na internet. A medida vale para estradas e rodovias, e especialistas em trânsito explicam que a divulgação dessas informações é de grande valia para os motoristas.

Segundo a Alerj, a norma valerá para todas as rodovias do Rio, sejam as administradas pelos municípios, Governo do Estado, Governo Federal ou empresas privadas. A medida deverá ser regulamentada pelo Poder Executivo. “A sinalização de trânsito em nossas vias, de um modo geral, é deficiente e, em alguns casos, contraditória, deixando muitas vezes o motorista em dúvida sobre qual velocidade passar em determinados trechos. Normalmente, a placa indicadora do limite de velocidade não existe ou é instalada em local inadequado, prejudicando a sua visualização e servindo como verdadeiras armadilhas para os motoristas”, ressaltou o autor do projeto.

Márcio Dias, advogado especializado em Direito do Trânsito, achou a iniciativa positiva. “A informação prévia do radar não minimiza sua eficácia. O município do Rio, por exemplo, informa com sinalização horizontal e vertical na rua. Todos os radares devem estar avisados, visíveis e até mesmo os portáteis. Mas eu ainda sou a favor do poder da visão educativa e não arrecadatória.”, explicou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − 14 =