Hospital Universitário Antonio Pedro completa 70 anos

Raquel Morais

No próximo dia 15 o Hospital Universitário Antonio Pedro (Huap) completa 70 anos de fundação. A unidade de saúde foi fundada em 1951 como Hospital Municipal Antonio Pedro, vinculado à Prefeitura de Niterói. Atualmente conta com 1.700 funcionários e cerca de 250 residentes da Universidade Federal Fluminense (UFF) atuando, entre residências médica e multiprofissional.

Do quadro de funcionários fazem parte servidores públicos da UFF e funcionários da Ebserh, empresa que administra o hospital. Atualmente, o Huap conta com 35 especialidades médicas entre anestesiologia, cirurgias entre cardíacas, pediátricas e torácicas, cinecologia e obstetrícia, neurocirurgia, pneumologia (adulta e pediátrica) e psiquiatria (adulta e pediátrica), por exemplo.

O Huap é considerado uma unidade de atendimento de alta complexidade sendo a mais complexa de Niterói. E o hospital atende toda a Região Metropolitana II, ou seja, além de Niterói também atende São Gonçalo, Itaboraí, Maricá, Rio Bonito, Silva Jardim e Tanguá. Também atende parte do município do Rio de Janeiro, tudo com atendimento gratuito vinculado ao Sistema Único de Saúde (SUS).

A inauguração do Huap foi em homenagem ao clínico-geral Antonio Pedro Pimentel, um dos fundadores da Faculdade Fluminense de Medicina, que se destacou no estudo de doenças infecciosas. De acordo com nota do hospital em 1957, a Prefeitura proibiu a cobrança de serviços e, em oito meses, praticamente sem recursos, o hospital fechou suas portas. Em dezembro de 1961, o hospital chegou a ser reaberto em caráter de emergência, para atender as vítimas do incêndio do Gran Circus Americano, que vitimou 400 pessoas, a maioria delas crianças. Entretanto, a insuficiência de fundos e a falta de equipamentos e de materiais de consumo fizeram com que o hospital fosse desativado, em pouco menos de um ano. Em 1964, depois de três anos de abandono e como resultado de uma longa mobilização dos estudantes de Medicina, o Hospital Municipal foi cedido pela Prefeitura à Universidade Federal Fluminense tornando-se, assim, Hospital Universitário Antonio Pedro (Huap).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 4 =