Hospital Oceânico inaugura Centro de Reabilitação Pós-Covid

Foi inaugurado, na manhã desta segunda-feira (23), o Centro de Reabilitação Pós-Covid do Hospital Municipal Oceânico de Niterói. O evento contou com a presença do prefeito Axel Grael, do vice-prefeito, Paulo Bagueira, do secretário municipal de saúde, Rodrigo Oliveira, e da diretora do Hospital Municipal Oceânico, Gisela Motta.

Durante o evento, o prefeito destacou que a iniciativa é motivo de orgulho para a cidade. Segundo Axel Grael, trata-se de um trabalho pioneiro, fundamental para os pacientes internados que se recuperam da Covid-19.

“É um momento importante, de muito orgulho para todos nós. Um trabalho pioneiro na recuperação das pessoas que foram atendidas aqui, em nosso hospital, e que apresentam eventuais dificuldades em função de sequelas provocadas pela Covid-19, dando continuidade ao tratamento para que elas se recuperem plenamente”, destacou o prefeito.

Evento online contou com a presença do prefeito Axel Grael

O secretário Rodrigo Oliveira destacou que o novo Centro de Reabilitação é mais uma conquista para a saúde de Niterói. Ainda de acordo com o secretário, o Centro iniciou suas atividades nessa segunda-feira.

“Foram semanas intensas de consultas à literatura médica, de compreender a experiência internacional, de buscar na ciência o que era preciso ser organizado para oferecer esse atendimento aqui. O resultado ficou muito bom e as obras de adaptação que foram realizadas deixaram a unidade com estrutura de atendimento a nível dos melhores centros de recuperação existentes no mundo, com ótima consistência técnica. Acho que será um ganho importante para quem já teve a doença. Calculamos que cerca de 40 a 50% das pessoas que tiveram Covid apresentam algum tipo de necessidade de reabilitação e esse centro, um dos primeiros do estado do Rio de Janeiro, dará conta de atender essa necessidade”, esclarece Rodrigo.

O Centro de Reabilitação inaugurado nessa segunda-feira (23) no Hospital Municipal Oceânico foi montado no térreo, em área separada do setor de internação. Segundo o secretário, o centro foi encontra-se em área isolada da área de internação dos pacientes com Covid, não havendo pontos de circulação comum entre os dois setores, o que, ainda segundo o secretário, garante a segurança dos pacientes em reabilitação.

A Secretaria de Saúde está fazendo um levantamento de todos os ex-pacientes que ficaram internados na rede SUS de Niterói. Todos serão informados sobre o novo Centro de Reabilitação e poderão agendar consultas com os especialistas. A equipe do novo centro é formada por fisioterapeutas, clínicos, cardiologistas, nefrologistas, neurologistas, nutricionistas e psicólogos. “Trata-se de um grande esforço de toda rede de saúde para conseguir dar conta dessa necessidade”, conclui o secretário.

O Centro de Reabilitação tem capacidade para realizar até 48 atendimentos, diariamente, em uma área que pode receber até cinco pacientes, simultaneamente. Além disso, o centro também conta com um consultório para atendimento individualizado e um consultório para atendimento multiprofissional, onde acontecem os atendimentos de nutrição, psicologia e assistência social. A diretora do hospital, Gisela Motta, também confirma que, em breve, a unidade receberá um aparelho de ergometria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 3 =