Gustavo Schmidt é sangue novo na Assembleia Legislativa

Wellington Serrano –

O niteroiense Gustavo Schmidt (PSL), garantiu vaga na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de janeiro (Alerj) em 2019. Com 34.869 votos, o novo deputado da cidade diz que vai mostrar para o que veio e que não teme os desafios que vai encontrar nos municípios em que teve voto. Em entrevista exclusiva para A TRIBUNA, ele disse que vai lutar pela recuperação econômica do Estado, baixar o valor do IPTU em Niterói e melhorar a mobilidade urbana, através da operação do transporte aquaviário em São Gonçalo.

Mesmo não vindo de uma família tradicional na política, o jovem deputado estadual, de 32 anos, surpreendeu a todos os analistas políticos com sua eleição, pois em 2016 não havia repetido a boa atuação para vereador, ao ter 1.403 votos, e agora quer recuperar o tempo perdido.

“Vou brigar pelas barcas em São Gonçalo. Prometo essa nova linha até a Praça XV. Com essa luta vou tornar a linha uma obrigatoriedade, que até o momento não consta no novo edital”, disse Gustavo.

Para o empresário, a honestidade de sua trajetória política fez a diferença. E esse detalhe, em sua opinião, veio de um projeto maior, que foi a sua determinação de fazer a diferença.

“Minha vitória foi a resposta da população de Niterói que não aquenta mais essa corrupção. Tudo contribuiu para que eu chegasse onde estou. Da onda do conservadorismo do meu partido até o desgaste de outros candidatos. Tudo isso colaborou para eu chegar aqui”, justificou.

Sobre o fato de ter conseguido se eleger através do mote maior que foi a segurança, Gustavo disse que junto com a bancada de quatro deputados na Alerj vai fazer a diferença.

“Foi por isso que tive votos em 91 dos 92 municípios. Andei quase todo o estado do Rio conversei com as pessoas, gente de todas as classes sociais e credos, ouvi atentamente os anseios da população e fiz uma única promessa: dedicar todo o meu tempo como parlamentar para melhorar a vida de todos. Vou lutar para melhorarmos a saúde, educação e infraestrutura do nosso estado”, afirmou Gustavo.

O PSL formou a maior bancada da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) e teve o parlamentar mais votado, Rodrigo Amorim, com 140 mil votos. Também foram eleitos Alana Passos, Alexandre Knoploch, Coronel Salema, Anderson Moraes, Gustavo Schmidt, Renato Zaca, Gil Vianna, Filippe Poubel, Doutor Serginho, Marcelo do Seu Dino, Márcio Gualberto e Pedro Ricardo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 3 =