Grêmio bate o Flu pela segunda vez

O Grêmio se classificou para as quartas-de-final da Copa do Brasil ao derrotar o Fluminense por 2 a 0, em partida disputada na noite desta quarta-feira, no Maracanã. A equipe gaúcha, que havia vencido por 3 a 1 no jogo de ida, soube aproveitar o fato de o adversário ter ficado com um jogador a menos desde os quatro minutos de partida, quando o zagueiro Nogueira foi expulso, em decisão muito contestada pelos jogadores do Tricolor carioca. Os gols foram marcados por Luan e Pedro Rocha, ambos no primeiro tempo.

O resultado fez justiça ao desempenho da equipe comandada por Renato Gaúcho, que mostrou mais objetividade e capacidade de decisão. O Fluminense mostrou ser uma equipe de muito espírito de luta, mas que sofreu com a desvantagem de atuar com dez jogadores desde o início da partida. Mesmo inferiorizado numericamente, o time carioca correu até o final em busca do resultado e teve o esforço reconhecido pela torcida.

Apoiado por uma pequena mas entusiasmada torcida, o Fluminense partiu para o ataque assim que a partida foi iniciada. Com Richarlison e Henrique Dourado enfiados na defesa gremista, os tricolores cariocas marcavam adiantado para não deixarem o Grêmio sair tocando a bola com tranquilidade.

Aos 17 minutos, o Grêmio anotou o primeiro gol. Luan recebeu de Lucas Barrios e mandou no ângulo esquerdo de Diego Cavalieri, que se esticou, mas não conseguiu fazer a defesa.

Aos 28 minutos, o Grêmio ampliou. Léo Moura fez grande lançamento para Pedro Rocha, que ganhou de Reginaldo na corrida, driblou Diego Cavalieri e tocou para o gol.

O Grêmio voltou para o segundo tempo sem a zaga titular, substituída no intervalo. Aos sete minutos, Cavalieri evitou o terceiro gol ao tirar a bola da cabeça de Lucas Barrios após lance confuso com Ramiro na área.

Com um jogador a menos, o Fluminense seguia lutando muito e, aos nove minutos, após cruzamento de Wendel, o zagueiro Henrique cabeceou e a bola se chocou com o travessão.

A torcida do Fluminense passou a incentivar o time, que seguia lutando. Aos 22 minutos, Bressan salvou o Grêmio ao bloquear um chute de Henrique Dourado. O Grêmio passou a administrar o resultado, mas teve chance de ampliar aos 39 minutos. Ramiro cruzou, Barrios fez o corta-luz e Gastón Fernández bateu forte, mas a bola saiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − nove =