Governo do Estado planeja arrendar Hospital Unilagos

O Hospital Unilagos que fica e Cabo Frio pode ser a solução para desafogar o sistema de saúde. O Governo do Estado planeja arrendar o Hospital para atender pacientes de Covid-19 de toda a Região dos Lagos. A informação foi dada pelo Secretário de Saúde de Armação dos Búzios, Marcelo Amaral.

O pedido foi feito pelo Prefeito de Armação dos Búzios, Alexandre Martins considerando o colapso na saúde que atingiu a região. Antes disso, Dr. Marcelo Amaral, esteve em contato com o Secretário Estadual de Saúde, Carlos Alberto Chaves, cobrando a reabertura do Hospital de Barra de São João, que foi prometida em janeiro deste ano e ainda não foi realizada.

O governador em exercício Cláudio Castro acatou o apelo de Alexandre e marcou uma reunião com os prefeitos para a tarde deste domingo (21), às 16h, através de webconferência.

Apesar de a situação ser de emergência, já que os municípios de Araruama, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia já estão classificados na Bandeira Vermelha, que indica alto risco de contágio do novo coronavírus, ainda não a data para a reabertura do Hospital. O governo vai pagar R$3.000,00 por aluguel dos leitos de UTI e R$600,00 reais por leito de enfermaria.

O Hospital Unilagos, que foi desativado em setembro de 2020, conta com 20 leitos de UTI e 34 leitos de enfermaria equipados para o tratamento da Covid-19.

A situação de Cabo Frio é alarmante. De acordo com o último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde, 92% dos leitos de UTI estão ocupados. Mesmo com pacientes internados em cidades vizinhas, a cidade consome uma média de 24 cilindros de oxigênio a cada 24h. Neste sábado (20), o Prefeito José Bonifácio teve que recorrer aos prefeitos de Búzios e Iguaba Grande para pedir cilindros. De acordo com a Prefeitura, existe uma fila para adquirir mais oxigênio hospitalar na empresa fabricante, a White Martins.

A situação dos municípios da Região dos Lagos, em relação ao Covid-19, é preocupante. Neste sábado (20), Araruama, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia foram classificadas pelo Estado do Rio de Janeiro com o bandeiramento de cor vermelha, que indica alto risco de disseminação da doença. A taxa de ocupação dos leitos de Unidades de Pacientes Graves (UPG) destinados aos infectados pela Covid-19 continua em 100% em São Pedro da Aldeia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − cinco =