Governador exonera secretário Lucas Tristão, de Desenvolvimento Econômico

O governador do estado, Wilson Witzel exonerou, na manhã dessa quarta-feira (3), Lucas Tristão, secretário do Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais. O ato de exoneração foi publicado no Diário Oficial. Tristão foi o sexto secretário demitido em meio à crise no governo estadual, depois de Edmar Santos, André Moura, Luiz Claudio, Marcus Vinicius, Jorge Gonçalves da Silva.

Tristão é apontado como um dos principais desafetos do governo na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), que já acumula dez pedidos de impeachment contra Witzel. A exoneração foi avaliada como uma estratégia para tentar barrar o processo de impeachment, um dia após o presidente da Alerj, André Ceciliano (PT), fazer duras críticas ao governador.

O deputado estadual Chicão Bulhões é autor de um dos pedido de impedimento. Para ele, Witzel tenta melhorar a situação com o Parlamento, mas os motivos para o impeachment continuam. “O Tristão sempre tratou a Casa como uma inconveniência, algo secundário.”

Em apuração…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 − dois =