Governador do RJ estabelece novas medidas mais rígidas

As medidas restritivas para tentar conter o avanço da contaminação pelo coronavírus foram prorrogadas por mais uma semana no Estado do Rio. A princípio, a informação era de que as medidas restritivas seriam estendidas por mais duas semanas, no entanto, o prazo foi corrigido para uma semana. Com isso, segue proibida a permanência de pessoas nas vias públicas nos horários entre 23h e 5h.


O governador em exercício Claudio Castro anunciou em suas redes sociais que, até o fim do mês, serão abertos 500 leitos para tratamento da Covid-19 em todo o estado.


Para o comércio, o regime será de escalonamento no horário: lojas de rua podem funcionar das 8h30 às 17h30. Shoppings poderão abrir das 10h30 às 22h, com 75% da capacidade de lotação. Para comércios e serviços enquadrados como essenciais, não há limitação de funcionamento.


Desde que sejam com 50 % da ocupação da casa de festas, as comemorações de 15 anos, casamentos e formaturas estão liberadas.


Os bares e restaurantes também deverão funcionar com metade da capacidade de lotação, no horário máximo de até 23h. A música ao vivo é permitida, porém fica proibida pista e espaço de dança.


Outros locais autorizados a funcionar com 50% da capacidade: museus, centros culturais, cinemas e teatros; parques e reservas naturais; serviços de educação física (academias, centros de treinamento, estúdios e similares), parques de recreação infantil e clubes sociais. Ficam mantidas também as atividades esportivas de alto rendimento, sem público.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × cinco =