Gabriel Jesus evita pensar no City e revela cobrança da mãe após estreia

Contratado para defender o Manchester City a partir de 2017, o atacante Gabriel Jesus evita pensar no futuro. Concentrado no Palmeiras e na Seleção, o atacante de apenas 19 anos revelou que, apesar da estreia bem-sucedida pelo Brasil, acabou cobrado por sua mãe.

Escalado pelo técnico Tite como titular no confronto com o Equador, pelas Eliminatórias Sul-Americanas, Gabriel Jesus sofreu o pênalti convertido por Neymar e ainda marcou dois gols. O desempenho, no entanto, não foi suficiente para evitar críticas da mãe Vera Lúcia.

“Depois do jogo, peguei o celular e fui direto ler a mensagem dela, falando para eu não ficar impedido”, contou Gabriel Jesus neste domingo, arrancando risos durante a entrevista. “Em vez de dar os parabéns, ela falou do impedimento. Sempre cobra mais do que elogia”, disse o garoto, sorrindo.

Promovido ao time profissional do Palmeiras em 2015, Gabriel Jesus rapidamente conquistou uma posição entre os titulares e participou do título da Copa do Brasil. Atual artilheiro do Campeonato Brasileiro, foi campeão olímpico e ganhou a camisa 9 na Seleção principal.

“Apesar de ser um garoto de 19 anos, tenho uma responsabilidade grande desde cedo. A família ajuda bastante e minha mãe está sempre pegando no meu pé. Costumo dizer que é o pior zagueiro que já enfrentei, mas sei que é para o meu bem. Sou simples, gosto de coisas simples e quero sempre melhorar”, afirmou.

Em grande fase no Palmeiras e na Seleção Brasileira, Gabriel Jesus procura não dar grande atenção aos comentários da imprensa para manter o foco em seu trabalho. Atraído pelo técnico Pep Guardiola, ele defenderá o Manchester City em 2017, algo em que evita pensar no momento.

“Agora estou na Seleção e mantenho o foco aqui. Não quero ter contato ainda com o Manchester. Então, fico bem tranquilo e concentrado na Seleção”, disse Gabriel Jesus quando questionado se falou recentemente com pessoas ligadas ao clube inglês. “Minha cabeça está tranquila e vai ser sempre assim”, reiterou.

Com 12 pontos ganhos, dois a menos que a líder Argentina, o Brasil ocupa a quinta posição das Eliminatórias Sul-Americanas à Copa do Mundo 2018. Às 21h45 (de Brasília) de terça-feira (06), com Gabriel Jesus como titular, a Seleção enfrenta a Colômbia, na Arena da Amazônia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 18 =