Furtos constantes atormentam moradores nas zonas Sul e Norte

Furtos recorrentes tem tirado a paz de moradores de Niterói. Durante a madrugada de quarta-feira (08) a banca de um chaveiro foi furtada em Icaraí, na Zona Sul. Pela manhã um homem foi preso por volta das 7h após furtar cabos de energia no Fonseca, na Zona Norte, e no mesmo bairro, comerciantes ainda reclamam sobre os furtos constantes de hidrômetros.

Na Rua Comendador Queiroz, em Icaraí, um chaveiro teve a sua banca arrombada e furtada durante a madrugada de ontem. Flavio Jardim de Azeredo, de 29 anos, estima um prejuízo de pelo menos R$ 5 mil.

“Eles levaram uma máquina de cortar chaves de R$ 4 mil, uma furadeira no valor de R$ 800 e um torno no valor de R$ 400. Sei que para muitos esses valores não são nada, mas para a gente que não tem nada, isso se torna muito”, desabafou.

O chaveiro tem poucas esperanças de recuperar os seus bens e tenta arrumar informações úteis como pode.

“Eu ainda não registrei a ocorrência porque eu tenho a certeza de que não vão dar importância nenhuma pois já aconteceu com outros amigos meus de profissão e não deu em nada. Mas eu vou fazer. É que eu ainda estou de cabeça quente tentando procurar para ver se eu acho pelo menos uma parte das minhas coisas com algum morador de rua. Estou perguntando as pessoas se teve câmera que registrou alguma parte do crime”, disse incrédulo.

No Fonseca os furtos de hidrantes e cabos de telefonia e de eletricidade atormentam comerciantes e moradores da área. A frequência das ocorrências desse tipo de crime na cidade é alta. No último semestre Niterói registrou 266 furtos de hidrômetro. Já em todo o ano passado foram furtados 396, segundo a Águas de Niterói.

“Aqui tem tido direto furtos de cabos de luz, cabos de energia e furtos de hidrômetros. No sábado furtaram os cabos de luz da loja de motos aqui da esquina, na segunda já furtaram o hidrômetro do cabeleireiro da outra ponta e semana passada furtaram duas vezes os hidrômetros de uma loja de autopeças próxima daqui”, contou o comerciante local Ricardo Garcia, de 59 anos.

Um homem de 33 anos foi preso no Fonseca ontem pela manhã por policiais do 12°BPM (Niterói) logo após furtar cabos de energia na Travessa Ari Pinto Lima. Após receberem uma denúncia sobre o crime, os policiais fizeram buscas pela área e encontraram o acusado na Alameda São Boaventura com 15 metros de cabos. Rafael André de Souza confessou que havia cortado os fios na travessa pouco antes. O caso foi registrado na 78°DP (Fonseca) e encaminhado para a central de flagrantes da área, a 76°DP (Centro).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 5 =