Funcionamento dos Correios Comunitários da Serra é normalizado

O funcionamento das agências dos Correios Comunitários, que atendem a região serrana, está normalizado. A distribuição de correspondências retornou, esta semana, nas localidades de Areia Branca, Córrego do Ouro, Frade, Glicério, Trapiche e Sana. Cerca de 80 mil cartas simples foram distribuídas nos últimos dias. Nesta segunda-feira começarão a ser entregues as cartas registradas.

Com as seis unidades dos Correios Comunitários na serra macaense são distribuídas, em média, 120 mil correspondências por mês. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. O objetivo é facilitar a entrega de cartas e objetos em locais de difícil acesso, por meio do convênio com o governo federal.

“O papel social que estas agências cumprem é fundamental. Transportamos contas, cartas e outras encomendas”, frisa a secretária de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Acessibilidade, Tatiana Pires.

O prazo de entrega das correspondências varia entre 7 e 21 dias. “As cartas simples são entregues pelos agentes. Já as registradas, os moradores recebem o aviso de chegada e a retirada é obrigatória no posto de atendimento com documento de identificação. Os postos não emitem cartas, só recebem itens para entrega aos moradores por carteiros ou quando os próprios cidadãos dirigem-se às agências”, explica o coordenador dos Correios Comunitários, Jorge Paes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *