França está classificada para as Oitavas da Copa

A França se garantiu nas oitavas de final da Copa do Mundo durante a tarde desta quinta-feira. Jogando na Arena Ecaterimburgo, apinhada de torcedores do Peru, os europeus decidiram a partida no primeiro tempo e venceram por 1 a 0, com gol de Mbappé, eliminando os sul-americanos do torneio sediado na Rússia.

Com o resultado, a França se mantém na liderança do Grupo C, com seis pontos ganhos, dois a mais do que Dinamarca. Já o Peru, que amargou o seu segundo revés em seu retorno ao Mundial após 36 anos de ausência, segue na lanterna da chave sem nenhum ponto somado e não tem mais chances de se classificar.

Pela terceira rodada da Copa do Mundo, França e Dinamarca farão um duelo valendo a liderança da chave na próxima terça-feira, às 11 horas (de Brasília), em Moscou. No mesmo dia e horário, em Sochi, o Peru cumprirá tabela diante da Austrália, que precisa da vitória e de um revés dos nórdicos para avançar.

O Peru esboçou uma pressão no início da partida, mas aos poucos a França foi se impondo. A primeira boa chance ocorreu aos 10 minutos, quando bola sobrou para Griezmann dentro da área. O atacante, porém, chutou torto e mandou para fora. Logo em seguida, Pogba arriscou de longe e tirou tinta da trave direita do goleiro Gallese.

Com as linhas adiantadas, a França continuou empurrando o Peru para o seu campo de defesa. Aos 13 minutos, após cobrança de escanteio pela esquerda, Varane subiu mais alto que a marcação e testou com perigo. Pouco depois, Giroud recebeu lançamento pelo alto e ajeitou para Griezmann bater de primeira e carimbar o goleiro peruano.

O time sul-americano só assustou aos 30 minutos, quando Cueva tabelou pela esquerda e cruzou rasteiro para Guerrero, que tirou de Umtiti na entrada da pequena área e finalizou. Atento, Lloris defendeu com o pé.

A chance desperdiçada seria bastante lamentada pelo Peru. Isso porque, aos 33, a França abriu o placar. Giroud recebeu de Pogba na área e bateu cruzado. A bola desviou em Rodríguez e encobriu o goleiro, sobrando livre para Mbappé só empurrar para o gol. Ainda antes do intervalo, os europeus quase ampliaram após boa troca de passes. Mas Hernández arrematou em cima do arqueiro Gallese.

Precisando da virada para se manter vivo no torneio, o Peru voltou com o meia Farfán e o zagueiro Santamaría nos lugares de Yotún e Rodríguez. As mudanças quase surtiram efeito imediato logo aos quatro minutos, quando Aquino recebeu de Farfán na intermediária e soltou a bola. Lloris só observou a bola tocar na trave e sair pela linha de fundo.

Com dificuldades para romper as linhas francesas, o Peru continuou apostando nos chutes de longa distância. Aos 15 minutos, após boa troca de passes, Carillo arriscou, mas mandou por cima do gol. Aos 22 foi a vez de Advíncula tentar pela direita, desta vez assustando Lloris.

Enfim explorando as pontas, o Peru chegou com perigo aos 28 minutos, quando Cueva fez bom passe para Carillo na direita. Mas o meia cruzou forte demais e ficou difícil para Farfán, que tentou consertar com um voleio. A bola parou na rede pelo lado de fora.

Nos minutos finais, para segurar o triunfo, Didier Deschamps sacou Griezmann para colocar Fekir. Ricardo Gareca respondeu com Ruidíaz na vaga de Cueva. Não adiantou. O sólido sistema defensivo francês foi pouco ameaçado e assegurou a vitória e classificação da equipe europeia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + 19 =