Forças integradas organizam remoções de barreiras em SG

Depois de deflagrarem uma grande operação em pelo menos 11 comunidades das zonas Norte e Oeste do Rio, na última terça-feira (01), as Forças Integradas de Segurança agora preparam uma nova ofensiva em comunidades de São Gonçalo e na Baixada Fluminense para remover barreiras erguidas pelo tráfico. O balanço da ofensiva no Rio, segundo o porta-voz da intervenção, coronel Carlos Cinelli, foi de 16 barricadas erguidas por criminosos que foram removidas, além da apreensão de quatro motocicletas e 11 carros, e um suspeito preso.

Cinelli adiantou que a Polícia Militar já está presente nas regiões onde militares do Exército, Marinha, Aeronáuticas e Polícia Rodoviária Federal (PRF) também atuarão. O coronel Cinelli pede que os moradores das comunidades do Rio denunciem a colocação de barricadas e outras movimentações suspeitas. O canal para contato seria o do Disque Denúncia (21) 2253-1177. No mês de abril, por exemplo, policiais do 7º BPM (São Gonçalo) realizaram uma operação para a retirada de barricadas, colocadas por criminosos, no bairro Jardim Catarina, considerado um dos maiores loteamentos da Região Metropolitana. Policiais militares removeram barreiras e retiraram grande quantidades de detritos usados para bloquearem e dificultarem a passagem de policiais durante operações deflagradas, em vias como a Avenida Padre Vieira e algumas adjacentes.

Além de São Gonçalo, também há denúncias de que bandidos ligados ao tráfico em localidades, como o Complexo do Caramujo, por exemplo, estariam desafiando a polícia e atrapalhando inclusive a locomoção de moradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × dois =