Flamengo goleia San Lorenzo e estreia bem na Libertadores

O Flamengo assumiu a liderança isolada do Grupo 4 da Taça Libertadores ao golear o San Lorenzo, da Argentina por 4 a 0 em partida disputada na noite desta quarta-feira, no Maracanã. O jogo marcou a estreia das duas equipes na competição e o resultado fez a equipe rubro-negra marcar seus primeiros três pontos.

A equipe portenha ocupa a última colocação da chave, ainda sem ponto ganho, enquanto Atlético PR e Universidad Católica completam o grupo com um ponto, após empate por 2 a 2 na última terça-feira.

O resultado fez justiça ao melhor desempenho da equipe brasileira que assumiu o controle da partida desde os primeiros minutos e poderia até ter vencido por um placar mais elevado, pelas oportunidades criadas durante o jogo.

O jogo – Apoiado por uma torcida entusiasmada, o Flamengo partiu para cima do San Lorenzo desde os primeiros instantes da partida. Aos 3, o meia Diego foi derrubado na entrada da área, mas a cobrança de Guerrero acertou a barreira.

Cinco minutos depois, o San Lorenzo chegou pela primeira vez em bola cruzada na área, mas Alex Muralha saiu bem para desviar de soco. Aos 10, após corte errado da zaga argentina, a bola se ofereceu a Guerrero, mas o chute do peruano encobriu o travessão.

Aos 13, o Flamengo criou a primeira grande chance. Everton recebeu de Willian Arão e chutou colocado, mas a bola bateu na trave. Dois minutos depois, o San Lorenzo respondeu com uma cabeçada de Montoya, que levou grande perigo ao gol defendido por Alex Muralha.

O time dirigido por Zé Ricardo continuava com mais posse de bola, mas encontrava dificuldades na hora de fazer o último passe, como aconteceu aos 25 minutos quando Guerrero tentou lançar Diego, que penetrava livre, mas tocou errado e estragou o ataque.

Aos 30, o meia Mancuello que estava em más condições físicas desde que sofreu um choque de cabeça com Botttas, foi substituído pelo colombiano Berrío.

Ainda antes do intervalo, Guerrero foi acionado por Everton em boa posição, mas o chute sai mascado e não levou perigo para o gol de Torrico.

O segundo tempo começou com o Flamengo no ataque e, logo aos três minutos, o primeiro gol veio. Angeleri cometeu falta na entrada da área, e Diego cobrou com categoria, para colocar a bolas nas redes de Torrico.

O San Lorenzo tentou partir para a reação, mas o Rubro-Negro seguiu dominando e marcou o segundo gol, aos 16 minutos, em belo chute de Trauco. O peruano recebeu de Diego e mandou uma bomba sem defesa.

O terceiro gol do Flamengo saiu aos 24. Após cobrança de escanteio, Berrío desviou, e Rômulo entrou de cabeça para colocar a bola nas redes. Foi o primeiro gol do volante, que chegou no início de 2017, com a camisa rubro-negra.

Aos 39 minutos, Gabriel foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Guerrero bateu forte, mas Torrico escolheu o canto certo e fez a defesa, impedindo mais um gol da equipe rubro-negra.

Aos 42, porém, saiu o quarto gol, através de Gabriel. O atleta recebeu,fora da área, e acertou um belo chute, sem defesa para o goleiro argentino, definindo o placar final da partida.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 4 X 0 SAN LORENZO-ARG

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data: 8 de março de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Andres Cunha (Uruguai)
Assistentes: Mauricio Espinosa (Uruguai) e Miguel Nievas (Uruguai)
Cartões Amarelos: Mancuello, Trauco (Flamengo); Angeleri, Montoya, Mussis (San Lorenzo)
Gols: FLAMENGO: Diego, aos 3, Trauco, aos 16, Rômulo, aos 24, e Gabriel , aos 42, minutos do segundo tempo

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Trauco; Rômulo (Márcio Araújo), Willian Arão, Diego, Mancuello (Berrio) e Everton (Gabriel); Paolo Guerrero
Técnico: Zé Ricardo

SAN LORENZO: Torrico, Paulo Díaz, Angeleri, Coloccini e Montoya (Corujo); Mussis, Néstor Ortigoza, Cerutti (Merlini) e Belluschi; Blandi (Bergessio) e Botta
Técnico: Diego Aguirre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *