Flamengo aposta em semana livre para recuperar jogadores

O Flamengo vem apresentando um sério problema de regularidade física em seus jogos. O time normalmente tem conseguido jogar bem apenas um tempo e em algumas ocasiões isso tem tido um peso grande. No triunfo por 2 a 0 sobre o Emelec do Equador, que rendeu a classificação para as quartas de final da Copa Libertadores, isso ficou mais visível. O fato se repetiu na derrota de 3 a 0 para o Bahia, no meio de semana, pelo Campeonato Brasileiro.

O elenco, porém, desde que a temporada reiniciou após a disputa da Copa América, o time tem jogado duas partidas por semana, seja pela Copa Libertadores, pelo Brasileirão e pela Copa do Brasil, onde foi eliminado pelo Athletico Paranaense. A expectativa do plantel é que parte desta irregularidade seja resolvida com a primeira semana livre de jogos do segundo semestre. Isso gera a expectativa de um melhor rendimento no duelo do próximo sábado, às 19h (de Brasília), contra o Grêmio no Maracanã, pela 14ª rodada do Brasileirão.

“Nós sabemos que temos um time sempre disposto a entrar em campo para pressionar os adversários, colocando muita intensidade em campo. Isso tem acontecido, mas é complicado manter os noventa minutos, pois também tem uma outra equipe do outro lado do campo, com suas estratégias e com suas virtudes. Mas acredito que podemos apresentar um grande progresso neste sentido por conta de uma semana livre de treinos”, disse o meia uruguaio De Arrascaeta.
O apoiador Everton Ribeiro pensa de maneira parecida.

“O Flamengo está buscando progredir em vários aspectos e sabemos que ainda podemos crescer muito mais. Logicamente que estamos em busca da regularidade, pois queremos brigar pelo títulos nas duas competições que estamos disputando. O jogo contra o Grêmio vai ser muito complicado, mas como estamos com a semana de trabalho, sem jogos, isso pode ter um impacto positivo em nosso rendimento”, disse o meia.

O elenco treinou nesta quinta-feira e o técnico português Jorge Jesus ainda não definiu a escalação que vai a campo. O certo é que os três atletas que se recuperam de lesões musculares, Rodrigo Caio, Gabriel e Lincoln, seguirão de fora contra o Tricolor gaúcho. Os dois últimos estão em estágio mais avançado que o zagueiro, e já estão treinando no gramado, mas a comissão técnica decidiu preservá-los e eles devem estar à disposição para a partida contra o Vasco, no dia 17/08.

Rodrigo Caio, diagnosticado um estiramento de grau dois na coxa esquerda, ainda não tem retorno definido, e pode ficar de fora inclusive da partida do dia 21, contra o Internacional, pelas quartas de final da Libertadores.

A preparação para a partida contra o Grêmio será fechada nesta sexta-feira pela manhã e depois começa o período de concentração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *