Final feliz: labradores roubados na BR-101 são encontrados

A saga de uma família carioca em busca das labradoras Sansa e Babalu, roubadas na noite de terça-feira (20), terminou com final feliz. As mascotes foram localizadas e devolvidas aos donos, na tarde dessa quarta-feira (21). Elas foram resgatadas por um morador da região do Jardim Catarina, às margens da BR-101.

De acordo com a proprietária, a profissional autônoma Roberta Dumani, de 40 anos, o homem que resgatou os animais entrou em contato com ela após ver, nas redes sociais, publicações e reportagens falando sobre o sequestro dos bichinhos. O rapaz encontrou os animais perdidos, na manhã seguinte ao assalto, e os levou para sua casa.

“Um rapaz viu as publicações e mandou mensagem no WhatsApp dizendo que achou elas, de manhã,  andando próximas à BR. Como ele tem cachorros, as levou pra casa. [Quando viu as postagens] entrou em contato para devolver”, explicou Roberta.

A dona não escondeu a emoção ao saber que teria suas mascotes de volta à sua casa. “Eu estou muito emocionada. Só tenho a agradecer, muito obrigada mesmo. É de coração”, complementou Roberta. No começo da noite de ontem, Sansa e Babalu já estavam de volta ao lar, na capital carioca.

Relembre o caso

Criminosos levaram duas cachorras, da raça labrador, durante assalto, na noite desta terça-feira (20), na Rodovia BR-101, em São Gonçalo. De acordo com a proprietária das mascotes, vários criminosos armados abordaram o carro onde estavam ela e o esposo, na altura do bairro Jardim Catarina.

Segundo Roberta Dumani, ela e o esposo, Simão Zanardi, retornavam de uma viagem a trabalho, do Espírito Santo, quando o crime aconteceu. Ela narra que teve o automóvel, modelo Jeep, de cor branca, roubado por vários criminosos armados, em motocicletas. Durante a abordagem, o casal ainda tentou convencer os criminosos a permitirem que retirassem os animais, chamadas Sansa e Babalu, de dentro do automóvel, sem sucesso. Sansa é um labrador branco fêmea, cor caramelo, de 5 anos, tem 60 kg e possui displasia, que é uma dificuldade para caminhar, e toma remédios. Babalu é um labrador filhote, também fêmea, de 1 ano.

Além do carro e das mascotes, pertences pessoais e documentos do casal foram roubados. Eles foram socorridos por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e, na sequência, compareceram à 76ª DP (Niterói), onde registraram a ocorrência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze + 9 =