Festa de São João começa hoje na Catedral de Niterói

Raquel Morais

São João Batista, padroeiro da Arquidiocese de Niterói e da cidade, será celebrado amanhã com muita festa, missas e bençãos. Mas as comemorações começam hoje na Catedral São João Batista, no Centro, com novena, Santa Missa e Show às 18h30min, 19h e 20h30min respectivamente. O grande momento está marcado para o próprio sábado, na missa celebrada pelo Arcebispo de Niterói, Dom José Francisco Rezende Dias, às 17h, seguida de procissão.

Os festejos começam cedo, com quatro missas: 9h30min, 10h, 11h e 14h. Às 12h será servido o almoço, angu à baiana, e às 20h30min a festa termina com um show de Cláudio Vieira e banda, com sertanejo universitário e forró. No domingo a festa continua, com missa às 10h, apresentação do Rancho Folclórico Luiz de Camões às 15h e às 16h será apresentada a quadrilha do Grupo Jovem, seguida às 16h30min da quadrilha do Gugu. Às 18h30min será celebrada a última missa do domingo seguida de show de forró e um encerramento às 22h.

Para o presidente da Neltur, José Guilherme Azevedo, as festas de São João e São Pedro, esse último comemorado no próximo dia 29, já fazem parte dos eventos que são atrativos e de apelo para os turistas e visitantes na cidade. “Além das suas atrações típicas com quadrilhas, forró, essas festas movimentam a economia da cidade, através dos seus polos gastronômicos, transporte, rede hoteleira e comércio de produtos típicos”, comentou.

Na Paróquia São João Batista de Tenente Jardim, que fica na Rua Doutor March, hoje será celebrada missa às 19h, seguida de show com Ilmar Quintanilha. Amanhã será celebrada a missa das 9h, seguida de um café da manhã. Às 17h uma procissão arrastará fiéis pelas ruas do bairro e, às 18h, a última missa será celebrada, com show de Márcio Pacheco na sequência. Como na Catedral de Niterói, o domingo também será de festa, com missa às 8h, almoço às 13h e as celebrações terminam às 19h com a última missa.

ITABORAÍ

Na Paróquia São João Batista, no Centro de Itaboraí, a festa também começa hoje, às 12h com almoço no barracão. Às 18h30min será rezado o terço de São João Batista, às 19h Santa Missa com acendimento e bênção da fogueira de São João Batista e às 20h30min dança de quadrilha Junina do Projeto “Vida em Movimento”. No sábado, missas às 9h, 10h30min e 19h30min, seguida de procissão. No domingo, as missas serão às 8h e 10h30min. Às 12h terá almoço, às 15h show de prêmios, às 19h Santa Missa seguida de procissão. A Paróquia São João Batista fica na Praça Marechal Floriano Peixoto, no Centro.

HISTÓRIA DO SANTO
São João Batista nasceu no dia 24 de junho em um cenário tão controverso, surge um homem simples, com uma importantíssima missão: preparar o caminho para a chegada do Messias.

Diz a história bíblica que na antiga Judeia, Isabel e Maria, mãe de Jesus, estavam grávidas. João era filho de Zacarias e Isabel, e primo de Jesus Cristo. É considerado o último dos profetas nascido de uma mulher. Os evangelhos dizem que, ainda no ventre de sua mãe, João percebe a presença do Messias, “estremecendo de alegria” na presença de Maria, quando esta foi visitar a prima, Isabel. O evangelho de São Mateus fala das pregações de conversão e dos batismos que João realizava às margens do rio Jordão, não distante de Jericó. Foi João Batista quem batizou o próprio Cristo. João batizava com água. A liturgia festeja, no nascimento de São João Batista, a “Aurora da Salvação”, o aparecimento neste mundo do Precursor do Messias. O nascimento do Precursor, seis meses antes do nascimento de Jesus, participa da grandeza do mistério da encarnação, que ele anuncia. Isso se deve, certamente, à missão única que, na história da salvação, foi confiada a esse homem, santificado, no seio da sua mãe, pela presença do Salvador, que dirá mais tarde: “Que fostes ver no deserto”… “Um profeta? Sim, Eu vos digo, é mais do que um profeta. Este é aquele de quem foi dito: ‘Eis que envio a tua frente o meu anjo que preparará Teu caminho diante de Ti, pois eu vos digo, que entre os nascidos de mulheres não há ninguém maior do que João. Mas o que é menor no Reino de Deus é maior do que ele” (Lc7, 24 a 28).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + vinte =