Expectativa no comércio para as vendas do Dia dos Pais

O Dia dos Pais desse ano será comemorado 9 de agosto e os niteroienses ainda têm tempo de se prepararem para a data. Esse ano a celebração deverá ser diferente, por conta do isolamento pela pandemia do coronavírus, mas empresários da cidade estão se reinventando para aumentar as vendas. A Federação das Câmaras dos Dirigentes Lojistas do Rio de Janeiro (FCDL) está com expectativa positiva para as vendas de produtos e serviços específicos para a data, mas a Câmara de Dirigentes Lojistas de Niterói (CDL-Niterói) está menos otimista, com possível redução de 20% nas vendas no comparativo com a mesma data de 2019.

O presidente em exercício da CDL-Niterói, Manoel Alves Júnior, disse que tem conversado com os empresários da cidade e está pensando em uma campanha para chamar atenção sobre a data comemorativa.

“Nesse ano está tudo diferente. Estamos desenvolvendo uma campanha e promoções que serão divulgadas. O clima está estranho e as pessoas estão com medo de ir na rua. Aliado a isso tem a situação do desemprego e a impossibilidade de eventos. Isso faz as pessoas não estarem valorizando, por exemplo, o setor de vestuário e de calçados. Então temos uma situação complicada. É preciso valorizar o comércio local”, resumiu.

Mas em termos nacionais a expectativa está mais positiva. O presidente da FCDL, Marcelo Merida, contou que é muito prematuro falar de porcentagens, mas as vendas devem ser boas.

“Temos comércios fechados, e muitos que abriram. Estamos vindo de uma época que a pessoa está precisando de contato físico e de ir na rua. Então apostamos que as lojas físicas vão ter um bom movimento. Teoricamente as pessoas passaram muitos meses em isolamento e isso faz ter vontade de ir na rua. Torcemos para que seja uma data que marque uma retomada. Precisamos realinhar esse novo momento e entender o comportamento”, contou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *