Eurico Toledo diz Rodrigo Neves fica no PV

Wellington Serrano –

O secretário de Meio Ambiente de Niterói e presidente municipal do PV, Eurico Toledo, afirmou nesta segunda-feira (11) que não existe qualquer tipo de articulação para que o prefeito Rodrigo Neves (do mesmo partido) vá para o PDT para disputar as próximas eleições ao governo do Estado. Segundo ele, os comentários que surgiram são boatos e já estão rolando há muito tempo. “É somente boato mesmo. Está tudo bem entre o partido e o prefeito”, destacou Eurico.

Fontes dentro do PV reforçaram que Eurico está certo sobre as pessoas ficarem plantando notícias para medir o impacto, mas alguns acreditam que na política tudo pode acontecer. Axel Grael, ao que tudo indica, está muito prestigiado com Rodrigo, que o tem levado para as agendas positivas. “O próprio Rodrigo diz que Axel é o candidato dele pra sucessão”, disse Toledo.

Os verdes acusam o pessoal do deputado Comte Bittencourt (PPS) de disseminar informações desse tipo para assumir a Prefeitura de Niterói. “Soubemos, através das pessoas ligadas ao Comte, que ele está muito desanimado com isso”, disse um correligionário que pediu para não ser identificado.

No entanto, segundo fontes políticas, o que pode pesar na decisão do prefeito são as diferenças com o seu vice. Parece haver um racha entre Rodrigo, Comte e também com seus respectivos assessores. Se Rodrigo deixasse a Prefeitura para ser candidato em 2018 (governador, senador ou deputado), o temor é que Comte assuma e faça a limpa na equipe do Rodrigo.

PDT pressiona
Se é o caso do Rodrigo Neves se decidir ou não, o fato, confirmado por fontes internas do PDT, é que termina essa semana o prazo de 30 dias dado pelo presidente nacional da legenda, Carlos Lupi, para ele aceitar ser o candidato a governador do partido em 2018.

Lupi teria dado um ultimato ao prefeito. Em caso de negativa de Neves, Lupi já teria aberto conversas com o empresário Omar Catito Peres, que já foi dono do Estaleiro Mauá. Rodrigo não sendo candidato, crescem as chances do Omar ser o nome do PDT para o Estado. Fontes internas do partido dizem que, além disso, dentro do PDT existe uma grande rejeição ao nome do Rodrigo Neves e que Omar já tem até slogan, apresentado em sua participação da Convenção do Tamoio no dia 2. Na ocasião, o empresário fora anunciado por Brizola Neto e por Lupi como o pré-candidato ao governo do Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *