Estado do RJ retoma vacinação de grávidas

Após recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a suspensão da vacina contra Covid-19 Astrazeneca em grávidas, os imunizantes Coronavac e a Pfizer estão liberados para as gestantes. A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro anunciou além das gestantes, mulheres que acabaram de dar à luz (puérperas), que apresentem algum tipo de comorbidade voltarão a ser vacinadas contra a Covid-19 pela prefeitura do Rio de Janeiro.

“A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro informa que retomará nesta quarta-feira, 12 de maio, a vacinação contra a Covid-19 de gestantes e puérperas com comorbidade. Por orientação do Ministério da Saúde, serão aplicadas apenas as vacinas Pfizer e Coronavac, de acordo com a disponibilidade”, informou a secretaria.

Quem for desse público-alvo basta apresentar laudo médico detalhado justificando a recomendação e avaliação da relação risco-benefício para a vacinação, além da assinatura do termo de esclarecimento, disponível no endereço coronavirus.rio/vacina.

A suspensão da vacina Astrazeneca pelo Ministério da Saúde aconteceu após uma gestante de 35 anos ter morrido após ter recebido a dose do imunizante. Especialistas do Programa Nacional de Imunizações (PNI) estão investigando o caso para ver a causa da morte da gestante.

O infectologista Dr. Alberto Chebabo, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), recomendou que as gestantes que já tomaram o imunizante, e estão bem, não precisam se preocupar. “As demais, precisarão aguardar as recomendações do Ministério da Saúde”, frisou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco + 6 =