Militares fazem operação em favela do Rio de Janeiro

As Forças Armadas fazem desde as 5 horas desta terça-feira (20) uma operação junto com a Secretaria Estadual de Segurança do Rio, na comunidade da Kelson’s, na Penha, na zona norte do Rio de Janeiro. Entre as ações estão operações de cerco e desobstrução de vias na comunidade, que é vizinha de um quartel da Marinha e de onde bandidos têm ameaçado os militares.

A ação faz parte do decreto presidencial de Garantia da Lei e da Ordem, assinado em 28 de julho do ano passado. Portanto, não faz parte da intervenção federal na segurança do estado.

“Algumas vias e acessos nessas áreas podem ser interditados e setores do espaço aéreo poderão ser controlados, oportunamente, com restrições dinâmicas para aeronaves civis. Não há interferência nas operações dos aeroportos”, diz nota da Secretaria de Segurança. A ação está sendo comandada a partir do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na Cidade Nova.

Ação na BR-101
Três dias depois que o presidente Michel Temer decretou a intervenção federal na área de segurança do estado do Rio, a Secretaria Estadual de Segurança, com a cooperação das Forças Armadas, iniciou na noite de segunda-feira (19) a operação nas divisas do estado e em outras áreas estratégicas da Região Metropolitana do Rio. Como a BR-101, além de trechos na altura de São Gonçalo, como nas comunidades do Salgueiro e Jardim Catarina, trechos da Baixada Fluminense e ao longo do Arco Metropolitano. A informação foi dada pela Secretaria de Segurança através de nota.

Segundo o Governo do Estado, participam da operação, além das Forças Armadas e das polícias Civil e Militar, as polícias rodoviárias Federal e Estadual e a Força Nacional. As vias terão pontos de bloqueio, controle e fiscalização. Trabalham na operação três mil militares do Exército, Marinha e Aeronáutica, com apoio de veículos blindados e aeronaves.

“Algumas vias e acessos nas áreas de operações podem ser interditados e setores do espaço aéreo poderão ser controlados, oportunamente, com restrições dinâmicas para aeronaves civis. Não há interferência nas operações dos aeroportos. As instituições envolvidas nas operações estão acompanhando e orientando, em tempo integral, os desdobramentos no Comando Militar do Leste e no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), a partir das 5 horas de hoje.”, informou a nota.

A operação está dentro do contexto do Decreto Presidencial de Garantia da Lei e da Ordem para ações em apoio ao Plano Nacional de Segurança Pública, assinado em 28 de julho do ano passado. De acordo com nota distribuída pela Secretaria de Segurança do Estado (Seseg), há operações na BR-101, nas divisas ao norte e ao sul do estado, e na região de São Gonçalo – nas comunidades do Salgueiro e Jardim Catarina. Também há pontos de bloqueio na BR- 116, nas divisas nordeste e ao sul do estado, além de trechos da Baixada Fluminense. As ações também englobam a BR-040, nas divisas a oeste do estado, e patrulhamento ao longo do Arco Metropolitano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *