Escuridão em cartão postal de Niterói é assustadora

A Praia de Icaraí é um dos cartões postais mais importantes da cidade de Niterói. Em todos os períodos do dia, frequentadores usam o local para passear, confraternizar e praticar exercícios. No entanto, durante a noite, a iluminação fraca deixa as escuras a faixa de areia próxima a arrebentação, assustando os frequentadores por causa da sensação de insegurança.

O maior alvo de reclamações são os velhos postes altos do calçadão, que utilizam defasadas lâmpadas a vapor de sódio. A luz mal ilumina o calçadão, que é muito arborizado. Na faixa de areia, a iluminação não chega nem perto da arrebentação. Em todo o mundo, as lâmpadas de vapor de sódio estão sendo substituídas pelas de led brancas que, inclusive, são mais econômicas. Um exemplo é a avenida Atlântica, em Copacabana, cujas lâmpadas chamadas de “platinadas” transformam a noite em dia na areia, atraindo milhares de pessoas, inclusive para banho de mar noturno.

A professora universitária Katia Gomes Novesco gostaria de, ao final de um cansativo dia de trabalho, caminhar à beira-mar para “recarregar as energias”, mas a escuridão a afugenta. “Gostaria de andar na beira d’água, mas tenho medo por causa da escuridão”, relatou à reportagem de A TRIBUNA.

A iluminação fraca faz com que o medo de crimes, como roubos e estupros, aumente. É o caso da aposentada Consuelo Costa, que costumava levar seu cachorro para passear na faixa de areia, durante a noite, mas foi orientada a evitar. “Cheguei a levar meu cachorro para passear lá embaixo, junto a arrebentação, mas me alertaram para evitar por causa da região porque há risco de estupro”, disse.

Segundo informações da 77ª DP (Icaraí), nos últimos três meses, houve dois casos: um na semana passada e outro há três semanas, ambos investigados pela distrital. Já de acordo com a Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) de Niterói, recentemente não houve relatos de estupros na faixa de areia.

Investimentos

Em Niterói a conta de luz inclui a cobrança da Contribuição para o Custeio do Serviço de Iluminação Pública (Cosip). O valor é calculado de acordo com a faixa de consumo sobre o valor da tarifa básica de energia fixada pelo Governo Federal para a iluminação pública. Essa contribuição é arrecadada pela Prefeitura de Niterói.

Procurada, a Prefeitura de Niterói afirmou que “a Secretaria de Conservação, Seconser, tem realizado a manutenção da iluminação da orla de Icaraí e verificou muitas ligações clandestinas. Diz que faz sempre a manutenção de luminárias com vistorias em toda a cidade. Em 2022, vão ser trocadas todas as lâmpadas por LED. O município arrecada anualmente com a taxa de iluminação pública (Cosip) em torno de R$ 36 milhões e a previsão para investimento na melhoria da iluminação pública para os próximos anos é de R$ 140 milhões.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + quatro =