Escolas de samba de Niterói dão show de originalidade

Depois de desfiles emocionantes, com muita alegria, a campeã do Carnaval de Niterói deste ano será definina nesta quinta-feira (02). A apuração acontece na quadra da Unidos da Viradouro, no Barreto a partir das 15 horas. Nos últimos dias, a Rua da Conceição, foi a passarela do samba da cidade.

Desta terça-feira, as Escolas de Samba do Grupo de Acesso e do Principal, fizeram seus desfiles com muita originalidade, criatividade e samba no pé. Antes da primeira escola, a Unidos do Sacramento, a Corte Momesca – formada pelo Rei Momo, Kriollo, a Rainha Andressa Ruiva e as Princesas, Danny Nascimento e Rafaella Mell – abriu o segundo dia de desfile com muito garbo e animação. A Unidos do Viradouro, que desfilou Hours Concours, levantou a multidão de cerca de 20 mil pessoas que, dispostas ao longo das arquibancadas e em cada canto que tinha um espaço, cantaram e sambaram juntos com os componentes da agremiação que nasceu em Niterói.

O Presidente da Neltur, José Haddad, destacou a importância dessa festa popular para a cidade. “Niterói mais uma vez provou que a magia e o encanto do Carnaval é ainda maior com o desfile das Escolas de Samba na Rua da Conceição. Com isso a Neltur adquiriu uma expertise na realização dessa festa que é uma das mais populares do Brasil. Avalio que houve uma significativa melhora no que se refere a organização, estruturação, logística e segurança, resultando assim num Carnaval familiar onde o folião vive toda sua alegria em clima de grande festa e de confraternização”, destacou Haddad.

E os foliões confirmaram o que Haddad já tinha avaliado. O estudante e pai, Denis Rodrigues, disse que assiste o desfile da Rua da Conceição há vários anos e cada vez está melhor: “Assisto o desfile aqui junto com toda minha família e vejo que está cada vez mais bonito”, disse.
A terça-feira, foi surpreendente para quem foi assistir o último dia de desfile na Rua da Conceição. A cada escola que entrava na passarela, o que se via eram alegorias bem trabalhadas, mestre-salas e porta-bandeiras com coreografias bem ensaiadas, além de comissões de frente criativas, inovadoras e bem ensaiadas.

Um espetáculo que foi coroado com o desfile da Unidos do Viradouro que tinha entre seus maiores destaques, a carismática Rainha de Bateria, Raíssa Machado, que esbanjou beleza, simpatia e carisma.

A Unidos do Sacramento iniciou os desfiles do Grupo A, com o enredo “Brasil. Que Terra é Essa?”, seguido pela Cacique da São José apresentando “Uma Viagem ao Túnel do Tempo em Busca da História do Carnaval”; Magnólia Brasil, com “Patacori Ogun. Salve São Jorge. A Magnólia Brasil Canta a Sua Fé”, encantou. Seguindo Experimenta da Ilha da Conceição, apresentou “Do Canto do Bode Ao Canto Aldeão. Sonhos e Fantasias no Palco da Ilusão”;Tá Mole Mas É Meu com “Rio. Carioca de janeiro a janeiro”.

O Grupo Principal foi aberto pela Combinado do Amor com o enredo “Ubuntu. Sou o que Sou, Porque Somos Todos Nós”; Sabiá apresentou “A Sabiá É Só Felicidade”;Souza Soares, “Mestre Cartola. O Divino Poeta do Samba”; Grupo dos 15 também animou com o “Mistura Que Encanta. Forró no 15 Vira Samba”; Unidos da Região Oceânica apresentou “Brasil. Em Se Plantando Tudo Dá” (Reedição Acadêmicos do Sossego 1986); Alegria da Zona Norte com o “Dá licença. A Nação Alegrense Vai Brincar” agradou; Império de Arariboia desfilou “Um Sonho de Criança. O Mundo Encantado do Império de Arariboia”e; Folia do Viradouro fechou, com chave de ouro, com o enredo “É Sorte ou Azar?No Cassino Folia, Pode Apostar”.

Desfile de segunda-feira foi cheio de beleza
As agremiações esbanjaram beleza, mas duas integrantes de escolas de samba diversas se destacaram. Uma foi a aposentada, Maria Angela da Silva que, com 86 anos desfilou pela Banda Batistão, demonstrando muita garra e vitalidade.

Outra que demonstrou muita disposição e amor pelo samba foi a cabeleireira, Franciani Oliveira que exibiu sua linda barriga de 6 meses de gravidez, desfilando em três escolas: Garra de Ouro, Balanço do Fonseca e Bafo do Tigre.

O cantor sertanejo João Gabriel, foi homenageado pela Mocidade Independente de Icaraí. Ele desfilou em companhia do pai, no alto de um carro.
“Nunca imaginei receber uma homenagem como essa. Estou emocionado e me sentindo lisonjeado e honrado com o convite para desfilar, sendo o enredo da Mocidade”, afirmou o cantor niteroiense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + oito =