Equipe de fiscalização impede realização de baile em São Gonçalo

Em continuidade às fiscalizações noturnas para verificar o cumprimento das medidas restritivas contra o contágio do novo coronavírus, a prefeitura de São Gonçalo impediu, na noite desta sexta-feira (12), a realização de um baile agendado para acontecer às 22h, na Avenida Gouveia, no bairro Vila Lage. Outros eventos que vinham sendo divulgados foram cancelados horas antes, depois que os organizadores foram alertados pelos agentes municipais. 

Os transtornos foram minimizados por conta do planejamento das equipes de fiscalização, que se anteciparam ao início do evento. Quando chegaram ao local, as equipes da prefeitura encontraram os organizadores preparando equipamentos de som e estrutura de iluminação que seriam utilizados. O evento seria realizado no local conhecido como Toca do Vila.

“Por determinação do prefeito Capitão Nelson, nós vamos seguir com as ações de fiscalização e orientação aos cidadãos e empresários, fazendo com que o decreto seja cumprido e colaborando para a redução de contágio e ocupação de leitos hospitalares provocados pelo coronavírus. Entendemos que é o melhor a ser feito neste momento”, disse o secretário de Ordem Pública, Major David Ricardo.

A operação ocorreu de forma integrada entre as secretarias de Ordem Pública, Subsecretaria de Fiscalização de Posturas, Secretaria de Saúde e Defesa Civil, por meio da Vigilância Sanitária,  e Secretaria de Transportes. A fiscalização contou com apoio da Guarda Municipal e da Polícia Militar.

O responsável pelo evento recebeu uma notificação da Subsecretaria de Fiscalização de Posturas quanto ao cumprimento do decreto com as medidas restritivas, que tem validade até o dia 31 de março. “Chegamos ao local antes do início do evento, justamente no intuito de evitar maiores transtornos e notificamos o organizador quanto ao cumprimento do decreto. As ações de fiscalização continuarão a ser realizadas por toda a cidade”, destacou Randhal Juliano, subsecretário de Fiscalização de Posturas.

Após impedir a realização do baile, as equipes de fiscalização foram divididas e percorreram os principais pontos da cidade que habitualmente concentram movimentação em bares, restaurantes, barracas de lanches e similares.

Decreto

O decreto municipal 090/2021, em vigor desde a última quinta-feira (11), prevê que o funcionamento de bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres, pode ocorrer das 6h às 22h.  A partir das 21h não será permitido o ingresso de novos clientes no estabelecimento. A partir das 21h30 não será permitido o atendimento de novos pedidos pelos clientes que estiverem nos estabelecimentos e a partir das 22h, não pode haver mais nenhum cliente no local.

Lojas de conveniência, trailers, quiosques, barraquinhas e similares podem funcionar das 6h às 22h. É vedada a permanência continuada e a aglomeração de pessoas nesses locais. Boates, casas de shows e eventos continuam proibidos.

Prefeitura nas ruas

Na noite do último domingo (7), a Prefeitura de São Gonçalo interditou uma casa clandestina de eventos no bairro de Neves, depois de flagrar mais de mil pessoas aglomeradas no local, durante um show de pagode. A poucos metros da casa de eventos Recanto da Pedra, na Rua Maurício de Abreu, um bar também causava aglomeração e foi notificado por estar funcionando em descumprimento ao decreto que determinou o fechamento de bares e restaurantes da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × cinco =