Entrevista com o candidato a prefeitura de Rio Bonito Luiz Benites Freires

Luiz Benites Freires (PEN) – 63 anos, é advogado. Nascido em Rio Bonito, casado, filho de pai comerciante, foi vidraceiro. Nunca foi candidato a nada, mas junto com seu vice Natalino Alves Caetano, o Natal do BMG, na sua primeira candidatura à prefeitura, quer reestruturar a saúde da cidade.

A Tribuna – O que motivou o senhor a se candidatar à prefeitura de Rio Bonito?
Luis Benites – O caos da saúde. Antigamente tínhamos o Hospital Darcy Vargas que era referência no município e hoje está fechando. A Upa que atende nossos munícipes está em funcionamento meia bomba com atendimento somente por estagiários. O posto de saúde está sem remédio. Então, tudo isso me encomodou e me colocou na obrigação de fazer algo pela saúde deste povo tão sofrido de Rio Bonito.

AT – Qual será sua primeira ação de governo no primeiro ano?
LB
– Vou nomear um competente secretário de Fazenda para que ele articule uma arrecadação em massa e com desconto para conseguirmos instalar uma prevenção forte nos postos para controlarmos essa situação da saúde. Porque sem saúde não somos nada. Por isso, vou acabar com o monopólio de médicos e vou gerar exames de graça para a população no hospital que no meu governo não vão nunca mais entrar em filas.

AT – Referência no atendimento aos pacientes de Rio Bonito e cidades vizinhas, o que o senhor vai fazer com o Hospital Darcy Vargas?
LB –
Vamos cuidar do Darcy Vargas com muito carinho, pois o que falta por parte da Prefeitura é uma boa gerência com o hospital para resolvermos as dívidas. Por isso, na minha gestão vou nomear um administrador na Saúde para resolver este problema de imediato. Ele terá a missão de buscar recursos através de parcerias com outros municípios para não deixar o hospital fechar.

AT – O município de Rio Bonito precisa de 2.414 moradias para acabar com o déficit habitacional. O que fazer para tirar as pessoas dos abrigos?
LB –
Vamos rever o planejamento das pessoas que estão desalojadas e desabrigadas para, através de uma parceria com o Governo Federal, trazer o Minha Casa Minha Vida. Vamos a Brasília buscar os recursos e garantir uma moradia digna para todas as famílias riobonitense que sofre com a falta de atenção do atual governo.

AT – Rio Bonito continua sofrendo com o êxodo de criminosos do Rio de Janeiro. E ainda esbarra na violência pontual que é o aumento de roubo de carros e em residências. O que o senhor vai fazer para deixar a cidade mais segura?
LB –
Realmente os ladrões vem de fora para roubar em Rio Bonito. Vou capacitar a guarda municipal e fazer um convênio junto com a Secretaria de Segurança do Estado para implantação do Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis). Vou vigiar a entrada e a saída da cidade através de câmeras que serão monitoradas por um Centro de Controle Operacional (CCORB) de Rio Bonito.

AT – Qual a sua ideia para melhorar a Cultura da cidade?
LB –
Vamos dar vez ao talento e incentivar os artistas de fora e de dentro da cidade.Vou expandir o Projeto Lona na Rua, através do incentivo aos músicos e artistas. Quero ajudar os profissionais autônomos desta área que nunca são lembrados e ainda voltar com força total com o carnaval de rua que anda esquecido na cidade.

AT – O PEN é um partido ecológico. Qual seu projeto para o lixo na cidade?
LB –
Vou construir um projeto de reciclagem nunca visto antes na cidade. O sistema de reciclagem de lixo criado no Rio Vermelho está desativado e dando prejuízo. Quero gerar emprego através da reciglagem e dar incentivos aos artesãos do município para que possam ultilizar o lixo como matéria-prima.

AT – O que o Meio Ambiente de Rio Bonito pode esperar com sua administração?
LB –
Vou cuidar dos manancias d’água como nunca foi feito e incentivar as plantações de várias árvores no Serra do Saber. As nascentes serão prezervadas e vão virar pontos turísticos na minha administração com portais e tudo.

AT – Em ano de Olimpíadas e Paraolímpiadas qual a carona que o senhor vai pegar para incentivar o Esporte?
LB –
Prioridade em meu governo vou criar, em parceria com outros colégios de municípios vizinhos, as competições intermunicipais para buscarmos gerar mais integração entre nossos atletas alunos. Vou incentivar os professores de educação física para trabalharem nas praças do nosso município para incentivar a pratica de exercícios para o combate às drogas. Meu grande sonho era fazer, em parceria com outras prefeituras vizinhas, um grande estádio para termos o nosso time de futebol do interior. Antigamente tínhamos os seguintes times: Motorista, Rio Bonito, Praça Cruzeiro, Nova Cidade, Boa Esperança e Castelo onde foram descobertos vários jogadores bom de bola.

AT – Para a Educação. Qual o seu compromisso?
LB –
Estamos preparados para construir creches com sistema de instalação de câmeras de monitoramento. Vamos implantar em escolas municipais de Rio Bonito. A intenção é que as unidades de ensino passem a ser monitoradas para tranquilidade dos pais.

AT – Qual seu plano para geração de Emprego e Renda?
LB –
Assim que assumir vou incentivar todos os comerciantes para gerarem empregos. O Pólo Industrial de Rio Bonito não tem empresas de fora. Vou incentivar através de impostos, mas sem ser um paraíso fiscal. Não quero um ISS de 0,5% que só arrecada. Quero que essas empresas de fora assumam o compromisso de contratarem pelo menos um trabalhador de nossa cidade. Quero um pai de família empregado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × um =