Emboscada para policiais termina com suspeito baleado em Niterói

Armadilha na Zona Norte de Niterói. Uma equipe da Polícia Militar, que foi averiguar supostas denúncias de um homem torturado e um suposto policial, que teria sido sequestrado, foi atacada a tiros por criminosos, na Comunidade do Serrão, no bairro do Cubango. Por sorte, nenhum agente se feriu no confronto, mas um suspeito acabou baleado, nessa quarta-feira (21).

Segundo informações do 12º BPM (Niterói), uma equipe que estava em patrulhamento pela Avenida 22 de Novembro foi abordada por pedestres, que afirmaram que o motorista de um carro branco estaria sendo torturado dentro da comunidade. Logo em seguida, os policiais receberam, via 190, denúncia de que um suposto policial teria sido sequestrado na região.

Ao realizar a incursão na comunidade para averiguar a denúncia, os militares afirmam terem sido alvo de disparos feitos por dois criminosos da localidade. Os policiais revidaram, dando início ao confronto. Após os tiros cessarem, os agentes encontraram um suspeito, ainda sem identificação, baleado na região do pescoço.

O homem foi socorrido pelos policiais ao Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal), no Fonseca, e não teve o estado de saúde revelado. Segundo os militares, ele estava com uma pistola calibre 9mm com numeração raspada, um carregador com dez munições, dois rádios comunicadores, três bases, celular e drogas.

Cabe ressaltar que, ainda segundo o batalhão, as denúncias não foram confirmadas. Todo o material apreendido foi levado para a 76ª DP (Niterói), que fez o registro da ocorrência. O suspeito permanece na unidade de saúde, onde está internado sob custódia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + 12 =