Eleições UFF: “A UFF precisa de um renascimento”

Wellington Serrano –

Orgulhoso por estar em reconhecimento como boa alternativa para a UFF, o candidato a reitor Sérgio Mendonça é o último entrevistado da série de A TRIBUNA sobre as eleições na universidade. Ele, que é candidato da Chapa 3 “UFF inovadora”, tem o slogan: “UFF inovadora que queremos” e vem com o professor Francisco Estácio como vice-reitor.

Mendonça, que é considerado patrimônio da Universidade, diz que a UFF precisa de um “renascimento” nessas eleições para a reitoria. “Todo processo de gestão precisa de tempos em tempos ser ‘oxigenado’ para que novos atores, novos processos de gestão, novas pessoas e novos tempos possam ressignificar a velha política que há tempos vem se alternando na Reitoria da UFF”, ressaltou.

O candidato afirma que a nova conjuntura Política, Institucional, Orçamentária e Financeira é desafiadora e apresenta as suas soluções, novas alternativas e outros olhares que possibilitem o ensino, pesquisa e extensão para que não sejam enfraquecidos e prejudicados. “Nossas Unidades do Interior não podem continuar a funcionar sem a necessária e urgente consolidação.

“Vamos juntos construir, com a Chapa 3, novos tempos para nossa Universidade, para que ela se torne mais solidária, integrada, inovadora, afetiva e verdadeiramente para todas e todos”, acrescentou.

A TRIBUNA – Como está a campanha?
Sérgio Mendonça – Boa. Denunciamos e conseguimos retirar das redes sociais campanhas pagas das outras chapas democratizando um pouco o pleito. Lutamos por uma UFF inovadora, forte, pujante, de qualidade reconhecida nacional e internacionalmente pela qualidade de seu ensino, de sua pesquisa e de sua extensão. Queremos que nossas pesquisas brilhem, que transformem, de fato, a sociedade. Queremos que nossa extensão promova o encontro de nossa área acadêmica com a comunidade externa. Uma universidade que tenha a coragem de sair de si mesma para transformar o mundo ao seu redor. Queremos que a extensão da UFF tenha um brilho, um destaque inédito em sua história. Queremos que a qualidade de nosso ensino esteja integrada com a excelência de nossa pesquisa e de nossa extensão.

AT – Quais as propostas?
SM – Apoio ao estudante em situação de maior fragilidade econômica para que ele possa concluir os seus estudos, como ter a Bolsa de Desenvolvimento Acadêmico; ter transparência e uma boa relação com sindicatos e DCE, e gestão de pessoas e uma gestão adequada dos recursos para intensificar os serviços de infraestrutura em todos os polos da universidade no estado.

AT – O que vai fazer para a manutenção do Meio Ambiente?
SM – Além da nossa luta pela área do Morro do Gragoatá, vamos atuar na descentralização orçamentária e unidades gestoras; criar programas de economia de energia, água, gás e programas de sustentabilidade ecológica. Elaborar um Plano Diretor Ambiental.

AT – O que vai fazer pela política cultural?
SM – De imediato vou procurar emendas parlamentares para botar para funcionar o Cinema Icaraí. Vamos viabilizar a obra necessária que não é barata, mas nessa situação que iremos pegar a Universidade com toda essa dificuldade orçamentária e financeira, somente através de doações de políticos ligados a nossa área.

AT – Qual seu plano para o Hospital Universitário?
SM – Pressionaremos o governo federal para o cumprimento da consolidação do Reuni e a entrega dos cursos necessários. Entregaremos parte do espaço do “mequinho” e o espaço da UFF no Barreto ao Huap. Exigiremos concurso público e a contratação dos candidatos homologados.

AT – O que sua gestão fará para a expansão da UFF?
SM – Reativaremos os programas do PDI, o Fopesq, de apoio à pesquisa, o auxílio publicação e qualificação. Também será criado o Programa Grandes Projetos, onde serão apoiados os melhores multidisciplinadores. Vamos criar o programa Inovação em Acessibilidade, onde serão apoiadas pesquisas aplicadas, entre outros.

AT – Considerações finais
SM – Parabéns pela iniciativa de A TRIBUNA. Precisamos cada vez mais de veículos assim, que possam levar a notícia com relevância e credibilidade para obtermos a tão sonhada democracia. É muito importante o comparecimento e peço para que as pessoas votem na Chapa 3 e visitem as nossas páginas no Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *