Edital para compra de produtos culturais ainda está com inscrições abertas

Ainda estão abertas as inscrições para o Edital de Ativos Culturais da Prefeitura de Niterói, que vão até às 18h do dia 16 de agosto. Quem ainda tem dúvidas sobre como participar para um dos 330 projetos que serão escolhidos, poderão participar de reuniões onlines via Google Meet. Os plantões de tira dúvidas começaram na semana passada e já têm mais quatro datas marcadas. A iniciativa tem objetivo de divulgar artistas de Niterói através do licenciamento de bens e produtos culturais. A administração municipal vai pagar R$ 1.500 por obra que será veiculada, exposta e apresentada para toda a cidade.

Para participar da reunião de esclarecimento é preciso se inscrever pelo link (https://bityli.com/YdBL5). Cada encontro online terá duração de 1h30min e terá no máximo 30 pessoas. Na segunda-feira (19) a reunião será às 19h, na quarta-feira (21) às 11h, na terça-feira (27) às 15h e na quinta-feira (29) às 19h.

De acordo com Prefeitura de Niterói a iniciativa é por meio do licenciamento de bens e produtos culturais. Serão selecionados produtos dos mais diversos formatos, expressões e linguagens, tais como produções audiovisuais, literárias, oficinas sobre expressões artísticas, manifestações populares e tradicionais da cultura, entre outras atividades artísticas e culturais. Além disso, as inscrições no Edital de Ativos Culturais são simplificadas e para pessoas físicas (CPF) que sejam de Niterói. O objetivo é estimular a economia criativa e incentivar a produção cultural da cidade.

Os produtos que serão escolhidos não serão de uso exclusivo do poder público. O secretário das Culturas, Leonardo Giordano, exemplificou o que pode ser inscrito: vídeo, áudio, um e-book, um ensaio fotográfico, uma oficina de artesanato, uma aula de capoeira gravada ou qualquer outro produto cultural que os inscritos pretendam divulgar como ação exemplar de seu trabalho.

“Este edital faz parte de um programa com várias ações em reforço à produção cultural local, o ‘Cultura é um Direito’. Qualquer artista, produtor ou trabalhador da Cultura pode oferecer um produto da linguagem de sua preferência e a Prefeitura vai comprar esse licenciamento para divulgar o trabalho em um site público. A pessoa continua tendo propriedade sobre o ativo cultural que disponibilizou, inclusive para fins comerciais. A gente só vai pagar a licença e ajudar a divulgar, remunerando o artista. A ação faz parte da reafirmação da Cultura como Direito da população em Niterói”, pontuou.

Será justamente o que Marcus Vinícius da Silva, 42 anos, o Mestre Pirulito, vai fazer. Ele vai gravar uma aula prática de capoeira na Associação de Moradores do Morro 94, em São Domingos. “Eu dou aula de graça de capoeira evou gravar e tentar a inscrição. O projeto serve para resgatar as pessoas e mostrar que a capoeira é acessível, um esporte maravilhoso e uma linda arte cheia de cultura e história. Nosso foco é manter as tradições, expressão cultural e ensinamentos dos antigos mestres; com base em filosofias afrocentradas para desenvolver o projeto”, frisou.

As inscrições no edital poderão ser feitas pelos sites: www.servicos.niteroi.rj.gov.br ou www.culturaniteroi.com.br . E o programa também conta com sistema de cotas para negros, mulheres, transexuais e travestis, e pessoas com deficiência.

Raquel Morais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − 9 =