Economista niteroiense é a nova diretora da Instituição Fiscal Independente

Filha de pai pescador e mãe gari, Vilma da Conceição é a primeira diretora negra da IFI

Em cerimônia realizada em Brasília na última sexta-feira (27), a economista niteroiense Vilma da Conceição se tornou a nova diretora da Instituição Fiscal Independente, órgão vinculado ao Senado Federal. A solenidade de posse aconteceu após aprovação da candidatura da economista, no início de julho.

A Instituição Fiscal independente tem como principal objetivo atuar no controle das contas públicas, no sentido de avaliar a política econômica do governo e garantir a transparência dos gastos públicos do poder executivo. O órgão é de fundamental importância para a economia do país porque atua diretamente no controle de gastos da união.

Vilma da Conceição tem 31 anos e vem de família humilde. Filha de pai pescador e mãe gari, ela tem cinco irmãos e é a única filha do casal que conseguiu concluir a faculdade. Graduada em economia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Vilma iniciou sua carreira no Instituto Brasileiro de Economia da FGV, onde trabalhou de 2014 a 2020. Na instituição, ela era responsável pelas projeções e análises de política fiscal e escrevia mensalmente artigos sobre conjuntura fiscal, no boletim macro do FGV-IBRE. Também pela FGV, tornou-se mestre em Economia Empresarial e Finanças. Além disso, Vilma é autora de dezenas de notas técnicas e artigos sobre finanças públicas.

Vilma da Conceição estudou na Rede Municipal de Niterói e é ex-aluna do Projeto Grael

“Vendo TV, assistindo jornal com meu pai – ele gostava muito de assistir jornal – eu comecei a observar os anúncios assim: agora vamos ouvir o economista falar sobre tal assunto. Aquilo começou a me interessar e eu passei a pesquisar o que faz um economista, o que eles estudam, e assim comecei a me interessar por economia”, explicou a nova diretora do IFI.

Vilma afirma esperar que sua trajetória, como mulher negra, contribua como inspiração e que haja uma evolução para que não seja mais motivo de surpresa ver uma negra ou negro ocupando cargos de liderança. A Rede de Economistas Pretas & Pretos (REPP) afirma que a aprovação de Vilma da Conceição na diretoria da IFI é uma inspiração para uma geração de economistas negros e negras.

O prefeito de Niterói, Axel Grael, comemorou a nomeação da economista de Niterói. “Parabéns, Vilma! Que a sua carreira prossiga com brilhantismo. Nós estaremos sempre na torcida e acompanhando a sua trajetória. Nada recompensa mais a dedicação ao trabalho da equipe do Projeto Grael, como saber sobre a trajetória vitoriosa e de superação de uma ex-aluna”, declarou o prefeito em suas redes sociais.

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + 3 =