Dupla é presa por estelionato em Niterói

Augusto Aguiar

Policiais militares do 12º BPM prenderam na noite de quarta-feira (27) Viviam Brito de Oliveira, de 39 anos, e Hilkias Cristiano de Jesus, de 43 anos, acusadas de crimes de estelionato e uso de documento falso. A dupla foi presa após a PM ser acionada para a filial da loja Leroy Merlin, na Travessa Carlos Gomes, no Largo do Barradas, no Barreto.

A PM explicou que fez contato com uma funcionária que informou que haviam pessoas tentando realizar compras utilizando documentos falsos e que a acusada já havia tentado realizar compras no último dia 22 no mesmo local. Durante a abordagem, a polícia constatou que Hilkias já possuía uma anotação criminal anterior por lesão corporal e com a dupla foram encontrados três documentos falsos, R$ 246,00 e dois aparelhos celulares.

Viviam afirmou que receberia a quantia R$ 1 mil para realizar a compra. Além da dupla, a PM abordou um motorista, que também possuía anotação criminal por roubo e receptação. Ele alegou que foi chamado apenas para fazer o frete das compras e que não conhecia os acusados. Uma mulher que também estava com os acusados conseguiu escapar do local, em direção à comunidade Buraco do boi, também no Barreto.

Os três acusados foram conduzidos para central de flagrantes da 76ª DP (Centro), onde Viviam e Hilkias permaneceram presos e o motorista prestou esclarecimentos e foi liberado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + quinze =