Dois Cieps em São Gonçalo terão ensino bilíngue em 2019

Anderson Carvalho –

Duas escolas estaduais em São Gonçalo vão oferecer ensino bilíngue a partir de 2019. A Secretaria de Estado de Educação está em negociação com os consulados do México e do Equador no Rio de Janeiro para garantir que já no próximo ano seja oferecido o ensino bilíngue na língua espanhola e em horário integral. Os estabelecimentos a serem contemplados são o Ciep 309 Zuzu Angel, no Arsenal, e o Ciep 443 Adão Pereira Nunes, em Neves.

O Governo do Estado deseja firmar convênio com os consulados, que devem encaminhar relatórios para as embaixadas dos países em Brasília e aos órgãos governamentais dos respectivos países. Segundo a Secretaria de Educação, as conversas com o México estão adiantadas e a previsão é de que até outubro os trâmites já estejam concluídos para que o Ciep 413 Adão Pereira Nunes possa funcionar no modelo bilíngue em 2020. Já com o Equador, as conversas começaram na semana passada, mas a expectativa é de que até o fim do ano também tudo esteja resolvido. No caso deste, o ensino seria implantado no Ciep 309 Zuzu Angel.

Nas escolas bilíngues, os estudantes terão uma carga horária maior do ensino da língua espanhola e terão disciplinas da grade comum curricular ofertadas no segundo idioma, além de aulas de conversação e outras atividades pedagógicas. Para que isso aconteça, os professores das unidades passaram por uma capacitação.

Pela proposta, os estudantes iniciariam os estudos no sexto ano do ensino fundamental e concluiriam na terceira série do ensino médio dentro deste modelo intercultural, tendo sete anos de estudo da cultura e do idioma do país e recebendo, ao concluírem os estudos, certificação de proficiência no idioma.

Em Niterói, o ensino bilíngue em escolas públicas existe no Ciep 449 Governador Leonel de Moura Brizola, em Charitas, onde os estudantes têm aulas também em francês. Outra escola é o Colégio Estadual Matemático Joaquim Gomes de Souza, no mesmo bairro, onde os alunos têm aulas em Mandarim, idioma falado na China.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *