Declaração do Imposto de Renda deve ser feita até dia 30 de abril

Termina no dia 30 de abril, às 23h59min59s, o prazo para a entrega declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2020. Cerca de 32 milhões de pessoas devem fazer a prestação de contas e o valor do rendimento para declaração desse ano é R$ 28.559,70 na soma dos salários de 2019. O programa para o cadastro já está disponível para download na página da Receita Federal.

Segundo nota as pessoas que entregam a declaração no início do prazo têm prioridade para receber a restituição, caso não a preencham com erros ou omissões. A multa por atraso de entrega é estipulada em 1% ao mês-calendário até 20%. O valor mínimo é R$ 165,74. Entre as principais mudanças, estão a antecipação no cronograma de restituição, cujo pagamento começará no fim de maio e terminará no fim de setembro e o fim da dedução da contribuição para a Previdência Social dos trabalhadores domésticos. Entre os obrigados a declarar estão rendimentos de atividades rurais acima de R$ 142.798,50 ou rendimentos isentos – não tributáveis ou tributados somente na fonte –, cuja soma seja superior a R$ 40 mil.

O economista Gilberto Braga frisou que somente em 2015 teve correção da tabela.

“Isso significa um aumento disfarçado da carga tributária. É preciso ter o número da declaração anterior para fazer de 2020. Muita gente troca de empresa e foi demitido e deixava o formulário gravado eletronicamente nos computadores. Quem não tiver esse número vai ter que ir na Receita Federal pedir esse número de declaração”, pontuou o membro do Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (IBMEC).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 − 3 =