Daniel Alves diz ‘não’ ao Fluminense

De acordo com o colunista Lauro Jardim, o jogador Daniel Alves acabou de recusar a proposta do Fluminense para atuar duas temporadas pelo clube carioca. Após uma semana de expectativa, a torcida esperava que o jogador fosse anunciado pelo clube ainda na noite de hoje (23). Mas a negociação foi cancelada depois que jogador e clube não chegaram a um acordo.

O lateral da seleção, ex-São Paulo e ex-PSG havia pedido R$ 1 milhão por mês. O Fluminense contrapropôs um salário mensal entre R$ 650 mil e R$ 750 mil mensais.

Após fazer uma proposta ao jogador na última segunda-feira (20), o Tricolor recebeu uma contraproposta por parte do estafe do lateral-direito de 38 anos e tenta chegar a um consenso para fechar a contratação do atleta, livre no mercado desde que rescindiu com o São Paulo na semana passada.

A diretoria do Fluminense enviou uma proposta com um projeto de contrato longo para atrair o jogador, que deseja permanecer no futebol brasileiro por ter a vontade de disputar a Copa do Mundo do Catar no fim do ano que vem. O próprio jogador sabe que as chances de uma convocação aumentarão se estiver em destaque em uma boa vitrine.

Jogador com mais títulos na história do futebol mundial, Daniel Alves chegou ao São Paulo em 2019 após o contrato com o Paris Saint Germain se encerrar. Campeão paulista nesta temporada, o lateral deixou o clube por causa de uma dívida de R$ 16 milhões que o time paulista tem com ele. No acordo de rescisão, o Tricolor Paulista se comprometeu a pagar parcelas mensais de R$ 400 mil ao longo de cinco anos, totalizando R$ 24 milhões.

Embora ele já tenha feito seis partidas pelo São Paulo pelo Brasileirão, o limite para um jogador se transferir para outro clube é de sete jogos. Ou seja, neste caso não há impedimento para o atleta vestir a camisa do Fluminense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − 10 =