Curto circuito pode ter incendiado casa na Ilha da Conceição

Raquel Morais –

Uma casa na Rua José Equio Alves de Souza, antiga Rua B, na Ilha da Conceição, pegou fogo na manhã de ontem. O terceiro andar da residência ficou completamente destruído e quatro pessoas que estavam dormindo no momento do incêndio conseguiram se salvar pulando pela janela em cima de um telhado. O incêndio teria começado por volta das 10h45min e, frequentemente, a casa era alugada para funcionários de estaleiros. A residência tem dois quartos, cozinha, sala e um banheiro.

O montador Rodrigo Gomes, de 40 anos, estava em estado de choque após ter passado pelo sufoco de ter que se jogar da janela para fugir das chamas. Ele tinha chegado ontem de Rio das Ostras e ficaria hospedado na casa por 14 dias.

“Eu já comuniquei a empresa que não tenho condições de trabalhar. Estou muito nervoso e em pânico por tudo que vivi. Nunca pensei em passar por uma situação dessas. Só tinha visto isso em reportagens e filmes e foi desesperador. Eu não consigo mais entrar nessa casa e só tenho que agradecer pelo livramento. Me machuquei e me arranhei quando cai do telhado, mas foi um ato de sobrevivência”, contou emocionado.

No momento do incêndio quatro pessoas estavam no quarto, uma espécie de alojamento, e tudo aconteceu em poucos segundos. A porta da entrada ficou tomada pelas chamas e os homens não tiveram outra opção a não ser a janela do terceiro andar. Três conseguiram sair pulando pelo telhado, mas um homem, que não teve a identidade revelada, não teve a mesma sorte e o telhado quebrou.

“O peso foi maior e ele vazou pelo telhado. Ele se machucou e foi para o hospital. Ainda não estou acreditando que passei por tudo isso. Eu acho que foi um curto circuito que fez tudo pegar fogo. Já avisei para minha família que estou fisicamente bem, mas meu psicológico esta muito abalado”, ponderou uma das vítimas que não quis se identificar.

O Corpo de Bombeiros foi questionado sobre o acidente, mas não se pronunciou até o fechamento desta edição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze + dezessete =