Cubango leva para Sapucaí ‘ O rei que bordou o mundo’

A Acadêmicos do Cubango, escola de samba datada de 1959 em Niterói, será a quinta agremiação a desfilar no sábado de carnaval, dia 10 de fevereiro na tão sonhada Marquês do Sapucaí. A verde e branco de Niterói vai cruzar a avenida com 20 alas, quatro alegorias e dois mil componentes que estão para lá de animados com a festa mais popular do país.

O enredo escolhido foi “O rei que bordou o mundo”, dos carnavalescos Gabriel Haddad e Leonardo Bora, em homenagem a Arthur Bispo do Rosário, um artista visual que oscilava entre a normalidade e a loucura. A letra do samba foi desenvolvida por Gabriel Martins, Bello, Wagner Big, Junior Fionda, Marcio André Filho, Jairo, Gigi da estiva, Rafael Mikaiá, Neyzinho do Cavaco e William Rodrigues.

A agremiação está focada em fazer um lindo carnaval em busca do sonhado título do carnaval e para isso vai contar com o encantamento da rainha de bateria Cris Alves, que vem à frente da bateria comandada por Demétrius Luiz. Além disso a escola conta com a graça e molejo de Thais Romi e Diogo Jesus e Joyce Santos e Rodrigo Machado, primeiro e segundo casal de mestre-sala e porta-bandeira respectivamente.

LETRA

Velas ao mar, que o vento leve…
Nos mares da insanidade, naveguem
Delírios, sonhos, devaneios…
Por sete anjos me guiei
Num sopro divino, segui peregrino, andei…
E não me fiz entender
Pensamento aprisionado por meus irmãos
Na mente à procura de ser
Enviado pela voz, o “Rosário” da razão
Mas a Arte irrompe a pele
Bordando o destino, a direção

O bem e o caos, rainha ou peão?
No “Bispo”, senhor, a salvação!
Um inventário em jogo, à luz dos olhos teus…
Ao tabuleiro, as mãos de Deus!

Parti pra fazer a minha chegança
O mundo, enfim, pude recriar
A emoção dos tempos de infância
Sagrado samba que faz relembrar:
O manto e suas coroas
Tambores em procissão
Quilombos e cabaças
Alma do sertão

Sou mais um negro
Orgulho dos meus ancestrais
A vida eu colori de paz
Nas páginas brancas da memória
Tingi de verde a minha história

Resgata, Cubango, o meu grande amor
Insano ….. nessa avenida eu vou
Trançando em arte o sentimento mais profundo
Eu sou o rei que bordou o mundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × quatro =