Cria de Itacoatiara, surfista Kalani Lattanzi é destaque no ‘New York Times’

Ao longo das últimas semanas, Niterói apareceu em posição de destaque como a “capital do surfe”. Após Gabriel Sampaio surfar aquela que pode ter sido a maior onda da história em solo nacional, em Itacoatiara, o atleta Kalani Lattanzi, que cresceu nas águas da praia niteroiense, foi destaque num dos maiores jornais do mundo: o “The New York Times”, dos Estados Unidos.

A reportagem publicada no site do periódico estadunidense destaca que o “Waterman” Lattanzi, que é especializado na modalidade “bodysurf”, pegou uma onda de aproximadamente 6 metros na costa norte de Maui, conhecida como Jaws, localizada no Havaí/EUA. A manobra rendeu elogios da lenda Kelly Slater, 11 vezes campão da Liga Mundial de Surfe.

Surfista foi destaque no site do jornal estadunidense – Foto: Reprodução/The New York Times

Kalani Lattanzi tem 28 anos e é nascido na Ilha de Maui. No entanto, ele cresceu e despontou para os esportes na Praia de Itacoatiara. O atleta pratica três modalidades: surf, bodyboard e bodysurf em ondas gigantes. Em 2015 foi o primeiro surfista a fazer Bodysurf em Jaws e no México desceu uma onda histórica de bodyboard, num swell gigante de Puerto Escondido. Em 2016 ganhou a categoria Resiliência do Red Chargers da Nazaré.

LEIA MAIS

Itacoatiara pode ter registrado a maior onda já surfada no Brasil

No ano de 2020, ele foi protagonista do documentário “Kalani – Presente do Paraíso”, um curta metragem sobre sua trajetória no mundo das ondas gigantes. É possível encontrar o filme na Apple TV itunes , Vimeo onDemand , Amazon.com , PlayStation e Xbox. Em 2021, realizou um feito histórico pegando um tubo em Jaws apenas com uma pranchinha de mão chamada Taylor’s Mistake Handski.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.