Coronapas, o ‘passaporte’ contra Covid que está ajudando a Dinamarca a reabrir

Torcedores de futebol poderão voltar aos estádios. Bares, restaurantes e museus reabrem, em um grande passo dado pela Dinamarca em direção ao fim das restrições impostas para conter o coronavírus. A grande condição para os dinamarqueses aproveitarem essas novas liberdades é provar que estão livres de infecções.

Assim surge o coronapas, ou “passaporte corona”.

Trata-se de um aplicativo para telefones que mostra se você teve um resultado negativo nas últimas 24 horas, um certificado de vacinação ou uma prova de infecção registrada entre duas e 12 semanas antes. O passaporte também pode ser de papel, se necessário.

Certificados digitais são vistos como o caminho escolhido pela Europa para sair do lockdown, e a União Europeia quer ter este esquema funcionando em todos os seus 27 estados-membros até o fim de junho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − dezenove =