Copa América já tem mais de 50 casos positivos de Covid-19

Já são 52 casos de Covid-19 entre jogadores, comissão técnica e outros funcionários envolvidos na realização da Copa América. A informação foi passada pelo Ministério da Saúde. Dos casos, 11 foram atestados ontem (14).

“Foram realizados 3.045 testes de RT-PCR entre jogadores, membros das delegações e prestadores de serviços. Até o momento, 52 casos de Covid-19 foram confirmados, sendo 33 entre jogadores e membros das delegações e 19 prestadores de serviços contratados para o evento. Os casos de prestadores de serviços foram confirmados em Brasília (DF) e no Rio de Janeiro (RJ). A positividade de casos por Covid-19 foi de 1,70%”, explicou o Ministério da Saúde, por meio de nota oficial.

O Ministério também destacou que está realizando testes de sequenciamento genético para identificar possíveis variantes da Covid-19 e que os testes devem sair em até duas semanas. As primeiras baixas para a Covid-19 aconteceram na seleção da Venezuela, que registrou 13 casos na delegação.

O surto de Covid-19 na seleção venezuelana levou a Conmebol a modificar o regulamento da Copa América, acabando com o limite de substituições nos convocados por causa da Covid-19. Antes, cada seleção só poderia substituir cinco jogadores da delegação por causa do vírus.

Devido à alteração, a Venezuela convocou 15 novos atletas para a competição. As seleções do Peru, Bolívia e Colômbia também já registraram casos de Covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 15 =