Contos ao redor do fogo para jovens e adultos

A descoberta do fogo revolucionou a existência humana. Ao redor do fogo, mulheres e homens começaram a se reunir e a se olhar nos olhos. Desse momento de comunhão surgem os primeiros traços da linguagem, as primeiras palavras que darão origem às primeiras histórias. Com idealização e curadoria da artista Camila Costa, a Chama das Histórias é uma roda de contação de histórias para jovens e adultos ao redor do fogo onde mulheres, contadoras de histórias, compartilham narrativas da tradição oral de origens e temas variados, que são passadas de geração em geração “de boca em ouvido”. Em volta da fogueira, como faziam os antigos, cria-se um ambiente de troca, escuta e olho no olho.

Ao todo serão quatro episódios que serão lançados no Canal do projeto, no Youtube (https://www.youtube.com/channel/UCu3QltBg_Tleyl86A8vqxOQ/ ), de forma gratuita, nos dias 19 e 26 de fevereiro e nos dias 5 e 12 de março, sempre às sextas-feiras, a partir das 18h. A cada edição, a Chama das Histórias oferece ao público a oportunidade de ouvir vozes femininas diversas. Ao convidar diferentes profissionais para compor essa roda, o projeto fortalece um espaço de troca e parceria entre as artistas participantes. As imagens foram captadas no Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro, mantendo as características próprias do projeto, como o uso do fogo, a construção de uma atmosfera envolvente e acolhedora e a interação entre as artistas envolvidas. As gravações aconteceram respeitando o distanciamento social e toda a equipe permaneceu de máscara, inclusive as narradoras, nos momentos de gravação coletiva. Essa decisão foi tomada em conjunto, levando em consideração a segurança de todas no contexto atual de pandemia da Covid-19 e o papel político que os artistas possuem perante a sociedade. O projeto tem direção artística de Camila Costa e Ricardo Gadelha e participam das rodas de histórias além de Camila Costa, criadora do projeto, as narradoras Rita Gama, Rosana Reátegui, Anamô, Lucia Morais, Gizele Santos, Emiliana Moraes, Juliana Franklin, Marcela Carvalho e Julia Grilo. As histórias retratam contos de origem popular de povos árabes, brasileiros e latinos, dentre outros.

A Chama das Histórias é um espaço destinado à voz feminina em toda sua diversidade e complexidade, o que se dá através dos contos e das narradoras participantes. Desde sua criação, em abril de 2019, essa roda de contação de histórias ao redor do fogo vem acontecendo em variados formatos e lugares. Agora, em contexto de distanciamento social, nada mais pertinente do que se adaptar para garantir que esse ambiente de protagonismo das narrativas femininas siga existindo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + dezoito =