Conta de luz deverá ter aumento superior a 50%

O mês de setembro já pode chegar trazendo aumento na conta de luz. Com uma crise hídrica que tem se mostrado mais longa do que o previsto, o mercado já espera nova alta na taxa extra cobrada nas contas. Especialistas  afirmam que o reajuste pode levar o atual patamar 2 de R$ 9,49 por kw/h consumido para R$ 11 ou até R$ 15, um reajuste de mais de 50% neste adicional. A decisão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) deve ser informada no máximo até a próxima terça-feira (31).

No Twitter, o deputado federal Marcelo Ramos (PL-AM), vice-presidente da Câmara dos Deputados, disse na sexta-feira (27) que o governo encaminhará à Aneel um pedido de reajuste da bandeira tarifária. A proposta é de que suba dos atuais R$ 9,49 para R$ 24, de setembro a dezembro deste ano.

O reajuste dos valores vem sendo mais frequente porque, com a falta de chuvas e diminuição nos reservatórios das hidrelétricas, o sistema elétrico precisa acionar termelétricas, uma energia mais cara.

Neste momento, segundo especialistas no setor, a conta já está negativa para as distribuidoras, que precisam comprar a energia mais cara para manter o abastecimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − dezesseis =