Confronto no Porto Velho acaba com morto, ferido e prisão

Augusto Aguiar –

Uma perseguição, seguida de intensa troca de tiros, na manhã de sexta-feira (22), deixou saldo de um morto, outro ferido e um preso numa das principais vias do bairro Porto Velho, em São Gonçalo. O comando do 7º Batalhão informou que policiais realizavam patrulhamento na região, quando desconfiaram de três ocupantes de uma picape Ranger que trafegava pelo local. Uma réplica de fuzil, modelo AK-47 (de fabricação russa), foi apreendido. Até a tarde de sexta-feira a polícia apurava se os criminosos seriam traficantes e integrariam uma quadrilha que praticava roubos, por exemplo.

Quando tentaram realizar uma abordagem, o condutor do veículo (que estava armado com uma pistola) efetuou vários tiros na direção da guarnição, que revidou. Houve perseguição e troca de tiros até a Rua Alberto Torres, no mesmo bairro, nas proximidades da fábrica Coqueiro, onde o veículo colidiu com uma loja. No confronto, um suspeito (não identificado) foi baleado e morreu no local. Outro acusado, identificado como Brenno Pereira da Silva, de 24 anos, foi ferido. Oriundo do bairro Jardim Miriambi, ele possuía três anotações criminais anteriores e havia sido beneficiado pelo Justiça com a Liberdade Condicional. O comparsa, que conduzia a picape com os marginais, conseguiu fugir.

Até a tarde de sexta-feira a polícia apurava se os bandidos que atacaram a PM seriam ligados ao tráfico, nas comunidades do Martins e Complexo da Coruja, em Neves. A polícia ainda constatou que a picape interceptada estava com a placa “clonada”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − dez =