Competição tradicional, Copa SP de Futebol Júnior não será disputada em 2021

O coronavírus continua a atrapalhar a sociedade, e o futebol não é exceção. A Federação Paulista de Futebol (FPF) anunciou na tarde desta quinta-feira (26), em nota oficial no site da entidade, que não realizará a edição de 2021 da Copa São Paulo de Futebol Júnior. “A partir de todas as informações colhidas e diante do cenário de pandemia, concluímos que mesmo um rigoroso protocolo de saúde não seria o suficiente para garantir segurança a atletas, árbitros e demais profissionais envolvidos nos jogos, além da população das cidades-sede. E acima de qualquer compromisso está a vida”, diz um trecho do documento.

Na nota assinada pelo presidente Reinaldo Carneiro Bastos, a entidade informou que a decisão foi tomada depois de várias conversas com autoridades médicas do governo de estadual, prefeituras e clubes participantes. A Copa São Paulo de 2021 seria disputada em 24 dias, com 255 jogos, envolvendo 128 times e mais de 3,8 mil atletas de todos os estados do Brasil espalhados em 31 municípios paulistas. Desde 1969, quando a Copa São Paulo foi criada, o torneio não ocorreu apenas em 1987. Na ocasião, a transição da organização do campeonato, que estava passando da prefeitura para a FPF, inviabilizou a competição.

A FPF também teve o cuidado de preservar os sonhos da geração que não poderá disputar a Copinha em 2021. A forma encontrada foi permitir que, na próxima edição da competição, os atletas nascidos em 2001 pudessem disputar o torneio.

Os clubes cariocas costumam fazer um bom papel. O Fluminense tem cinco títulos, o Flamengo foi campeão quatro vezes e o Vasco uma. O Botafogo nunca venceu a competição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 2 =