Começam em Niterói as audiências do caso Flordelis

Após quase cinco meses, após a morte do pastor Anderson do Carmo, assassinado a tiros dentro de sua residência, em Pendotiba, a Justiça – 3ª Vara Criminal de Niterói – começa a ouvir, nesta quinta-feira (31) as testemunhas de acusação e defesa sobre o crime, além Lucas e Flávio dos Santos, respectivamente filho adotivo e biológico da deputada federal e cantora gospel Flordelis (PSD).

Eles são os principais acusados e réus no processo sobre o crime, ocorrido no mês de junho. A audiência também deve definir a data de um possível juri popular pelo crime de homicídio triplamente qualificado (meio cruel, motivo torpe, e impossibilidade de defesa da vítima), que prevê pena de até 30 anos. Flordelis optou por prestar depoimento em Brasília, onde também tem domicílio.

Atualmente Lucas e Flávio estão presos, em celas separadas, no Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio. A decisão havia sido tomada no mês passado para garantir a instrução criminal e integridade física dos acusados. Na ocasião, Lucas alegou na ocasião, que estava sendo coagido pelo irmão para mudar o depoimento sobre a versão do crime. Lucas está preso acusado de obter a arma usada no crime, e Flávio por ter efetuado os disparos. Ele s não participaram da recente reconstituição do crime realizada pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, e Itaboraí (DHNSG).

Em apuração…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *