Cobrança do Niterói Rotativo suspensa até dia 30

O Prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, anunciou a extensão do decreto de quarentena na cidade, que agora vai até o próximo dia 30. Outra novidade é que o prazo para a interrupção da cobrança do Niterói Rotativo foi estendido também até o dia 30. Além dessas mudanças outras questões também foram anunciadas como o bloqueio dos acessos à cidade, com permissão apenas para quem trabalha em Niterói, e o aumento da janela de atividades que poderão funcionar, a partir de hoje também até o último dia de abril.

Estarão permitidas a abertura de serviços médicos, odontológicos, óticas e materiais hospitalares, bancas de jornais, comércio de manutenção de aparelho eletrodomésticos e eletromecânicos e consertos de bicicletas. “Venho trabalhando com o prefeito há um tempo a questão das bancas. Já havia sido acordado na semana passada alguns setores que poderiam abrir. Tem muita gente que não tem informação pela internet e isso vai ajudar essas pessoas e os próprios trabalhadores”, comentou o vereador Gallo (Cidadania).

O prefeito também comentou as mudanças. “Isso tudo para retomar com respeito saúde da cidade para retomar as atividades econômicas da cidade. Após reuniões com especialistas da Fiocruz e universidades que estão estudando a curva da epidemia, e empresários e todas as entidades comerciais de Niterói. Não podemos colocar em risco todo o esforço da prefeitura. Estamos no meio dessa guerra e seria realmente não ter prudência e responsabilidade não aumentar até dia 30 de abril as medidas de restrição e isolamento social em Niterói”, frisou Neves.

De acordo com nota da Prefeitura de Niterói foi determinada uma série de medidas para o isolamento social com o objetivo de conter o avanço do novo coronavírus na cidade. Essas ações incluem: suspensão das aulas na rede municipal, fechamento de equipamentos públicos e de lazer, fechamento do comércio e do acesso às praias, restrição da circulação de táxis e veículos de operadoras de Transporte Compartilhado (OTC) de outros municípios e redução na oferta de ônibus intermunicipais. As medidas são acompanhadas e reavaliadas constantemente, de acordo com a evolução da pandemia na cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + 16 =