Cláudio Lins apresenta CHICOTEATRO no Municipal de Niterói neste fim de semana

Ator e cantor volta a se apresentar na cidade depois de 36 anos

Teatro e música se misturam em um espetáculo que mescla ambas as artes no palco. É isso que o cantor e ator Cláudio Lins apresenta ao público na sexta e sábado (10 e 11) no Theatro Municipal de Niterói. O artista está em cartaz com CHICOTEATRO, marcado para as 19 horas em ambas as datas.

A apresentação marca o retorno de Cláudio aos palcos do principal teatro niteroiense depois de 36 anos. A primeira vez que ele se apresentou no local, em 1985, o filho de Ivan e Lucinha Lins era um menino de apenas 12 anos. E ele se lembra muito bem de alguns detalhes da estreia dele na Cidade Sorriso com a peça “Verde Que te Quero Ver”.

“Eu tinha apenas 12 anos quando pisei no palco do Municipal de Niterói pela primeira vez. Era um garoto que ainda estava descobrindo a arte. Na época, eu achava que tudo aquilo, o palco, as cadeiras e as galerias, eram muito grandes. Depois quando a gente cresce é que percebemos que não é tão grande assim (risos). Mas é uma alegria fantástica voltar a esse palco depois de 36 anos”, celebra Cláudio, que faz questão de explicar que já esteve no local em outras ocasiões, mas sempre como espectador.

Aluno de cinema UFF

Quando se fala na relação entre Cláudio e Niterói, ele revela que a relação vai além do espetáculo que encenou no início da adolescência. O artista recorda que começou a vida acadêmica na Cidade Sorriso, ao iniciar o curso de Cinema na Universidade Federal Fluminense no início dos anos 90. Mas após dois meses, o então aspirante a cineasta desistiu pela distância entre sua casa, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste, até a universidade, localizada no Gragoatá.

“Tenho lembranças maravilhosas de Niterói. Quando comecei meu curso de cinema, eu frequentava as aulas na UFF. Mas depois de dois meses eu desisti porque era muito cansativo. Isso foi entre 1991 e 92. Era uma época em que não existia a Linha Amarela. Então tinha que pegar um ônibus até a altura da Central do Brasil. De lá ia até a barca. Só que era muito desgastante. Como eu também passei para o mesmo curso da UFRJ no segundo semestre, então resolvi relaxar e começar em outra universidade”, recorda.

Apesar do pouco tempo, Cláudio diz que sempre ficava fascinado ao ver a paisagem da Baía de Guanabara e ficava impressionado com a movimentação na Avenida Ernâni do Amaral Peixoto, que é o local, segundo ele afirma, onde “Niterói realmente começa”.

Outra revelação que ele faz nesse sentido é a de ter sido colega de Rodrigo Cebrian, profissional com mais de 20 anos experiência na TV Globo. Cláudio brinca ao relembrar que o parceiro de turma conseguiu ir até o final. Além disso, explica que não chegou a concluir o curso quando tentou na UFRJ por descobrir que seu caminho seria o teatro.

“O Rodrigo foi valente. Mesmo morando no Rio conseguiu ir até o final do curso. Depois que eu desisti da UFF, cheguei até o quinto período da UFRJ. Só que eu também estava estudando teatro ao mesmo tempo. No momento em que tive que atuar em duas peças no mesmo dia, então eu percebi qual seria minha escolha. Nem precisei pensar muito”, conta às gargalhadas.

Homenagem a Chico a à mãe

Nessa homenagem a Chico Buarque e sua obra composta para os palcos, o ator e cantor traz um minucioso trabalho de pesquisa para montar um repertório com canções inesquecíveis compostas especialmente para peças musicais ou balés, onde cada música carrega sua própria história e histórias de seu tempo e de seus intérpretes.

No palco, além de cantar, Claudio também imprime toda a vivência de ator de teatro, cinema e televisão para, sutilmente, encarnar personagens masculinos e femininos sem nenhum pudor. E ao cantar “Viver de amor”, da Ópera do Malandro, aproveita para homenagear a mãe, Lucinha Lins, que encarnou a personagem Vitória Régia numa grande montagem em 2003.

Serviço:

Chicoteatro – Musical com Claudio Lins

Datas: 10 e 11 de setembro

Horário: 19 horas

Duração: 75 min

Classificação etária: Livre

Ingresso: R$ 40,00 à venda no site e app da Sympla, seguindo todos os protocolos sanitários.

Local: Theatro Municipal de Niterói

Endereço: Rua XV de Novembro, 35, Centro

Tel: 2620-1624

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 2 =